Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Tesla lança tequila própria por R$ 1.300 e garrafas esgotam em horas

Garrafa da bebida custa US$ 250 e já esgotou em site oficial. Compradores já tentam revender produto em sites de itens usados

Por Igor Macário Atualizado em 8 nov 2020, 01h19 - Publicado em 8 nov 2020, 07h29
Garrafa tem visual excêntrico e bebida é de alta qualidade Divulgação/Tesla

Elon Musk bem que gosta de colocar o nome da Tesla em produtos bem diferentes de seu negócio principal, o de carros elétricos. A novidade mais recente é a Tesla Tequila que, como os carros da marca, também preço um bocado elevado. Cada garrafa custa US$ 250, cerca de R$ 1.300 em conversão direta.

Mas mesmo quem quer se atrever a pagar esse valor por uma garrafa de tequila pode acalmar os ânimos, porque a Tesla Tequila já esgotou. A bebida foi vendida em quantidades limitadas e em apenas alguns estados americanos como Nova York, Califórnia e Washington.

Quer ter acesso a todos os conteúdos exclusivos de Quatro Rodas? Clique aqui e assine por apenas R$ 8.90

E é claro que entre os poucos que conseguiram comprar uma garrafa, já há gente querendo revendê-la, e por preços ainda mais exorbitantes. Um anúncio chega a pedir US$ 999 pela garrafa, quase R$ 5.400. Há até garrafas vazias à venda por até US$ 700, já que o eBay restringe a venda de bebidas alcóolicas.

Reprodução/Tesla

A iguaria é quase a materialização de uma piada de 1° de abril de 2018, quando um tweet do próprio Elon Musk avisava que o CEO da Tesla teria sido encontrado desmaiado rodeado de garrafas de “Teslaquilla”, com direito a “lágrimas secas ainda visíveis em suas bochechas”.

Model Y é SUV mais barato da Tesla Divulgação/Tesla
  • A Tesla Tequila, esta real, foi produzida pela Nosotros Tequila e tem jeitão de tequila de alta qualidade. Segundo a empresa, a bebida foi envelhecida em barris de carvalho franceses, com notas de bauniha e gosto final com balanço de pimenta e canela.

    A empresa não revelou quantas garrafas foram vendidas.

    Entre outros produtos inusitados, a Tesla já mostrou um lança-chamas, vendido a US$ 500 para gerar fundos para a Boring Company, responsável pelo desenvovimento do Hyperloop. O produto conseguiu levantar nada menos que US$ 10 milhões para o sistema de transporte de alta velocidade.

    Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

    Arte/Quatro Rodas
    Continua após a publicidade
    Publicidade