Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

São Paulo: Controlar deve encerrar suas atividades

Empresa não participará de novo processo aberto pela Prefeitura

Por Redação Atualizado em 9 nov 2016, 12h59 - Publicado em 16 jan 2014, 15h32
mercado

A Controlar, atual responsável pelas inspeções veiculares realizadas na cidade de São Paulo, deverá encerrar suas atividades no dia 1º de fevereiro. De acordo com a Agência Estado, a empresa não participará do processo que será aberto pela Prefeitura para a escolha de uma nova entidade para realizar o serviço.

Marcos Brandão, presidente da Controlar, confirmou que os 800 funcionários já receberam aviso prévio e que os proprietários dos terrenos onde estão instaladas as unidades de inspeção já foram notificados.

Na visão de Brandão, o novo modelo de inspeção proposto pela Prefeitura de São Paulo não atende às necessidades ambientais. Pela nova proposta, os carros só passarão por inspeção a partir do quarto ano de licenciamento, mantendo a avaliação bianualmente até o décimo ano.

Vale lembrar que a Controlar alega que seu vínculo com a Prefeitura de São Paulo tem validade até 2018, enquanto o poder público afirma que tal ligação já expirou. Assim, a Controlar seguirá com as inspeções apenas até o final de janeiro, conforme definido pela Justiça.

Continua após a publicidade

Publicidade