Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Países europeus podem bloquear venda de alguns carros da Mercedes

Motivo é a utilização de substância refrigerante banida

Por Rodrigo Furlan Atualizado em 9 nov 2016, 12h34 - Publicado em 18 jul 2013, 15h23
sustentabilidade

Mais países que integram a União Europeia podem seguir o exemplo da França e bloquear a venda de alguns modelos da Mercedes-Benz. De acordo com a agência Reuters, o motivo é a utilização do refrigerante R134a, vetado pelo bloco comercial, no sistema de ar-condicionado dos carros.

O R134a era utilizado com certa frequência pelas montadoras, mas foi banido por ser altamente prejudicial ao meio ambiente. O refrigerante R1234yf foi desenvolvido para substituí-lo, tendo custo dez vezes maior que o anterior.

A Mercedes, porém, alegou ter descoberto que o R1234yf tem potencial inflamável, sobretudo em determinadas situações de colisão. Por isso, chegou a fazer recalls para trocá-lo pelo antigo R134a. Outras montadoras, como General Motors, afirmam que consideram o R1234yf seguro.

Com o impasse, a França foi o primeiro país a bloquear as vendas dos modelos com R134a. Pelo que se sabe, porém, a Alemanha permitiu o uso do refrigerante banido e, por isso, terá até o dia 20 de agosto para fornecer explicações oficiais à União Europeia. Até lá, a expectativa é de que outras nações parem de vender os carros com a substância defasada.

Continua após a publicidade
Publicidade