Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Os conceitos mais impressionantes da Mopar para o Sema Show

Destaque para o Challenger 1971 restomod de 492 cv e o Jeep CJ66, utilitário com elementos das três gerações do Wrangler

Por Diego Dias Atualizado em 23 nov 2016, 17h58 - Publicado em 3 nov 2016, 19h05
Dodge Shakedown Challenger
Challenger 1971 ganhou faróis e lanternas do modelo 2017

O Sema Show é o maior evento de veículos modificados do mundo. Dada a importância da mostra, a FCA (Fiat Chrysler Automobiles) vai exibir por lá cinco modelos preparados pela Mopar, entre eles: um Challenger 1971 restomod, um Jeep Wrangler com mescla de três gerações, uma Ram 2500 todo terreno e até um modelo familiar, o Pacifica.

LEIA MAIS:

>> Impressões: Dodge Challenger Hellcat, a máquina de fazer fumaça

>> Dodge homenageia o passado com os novos Challenger T/A e Charger Daytona

>> Teste: o caminhão de mudanças da Ram 2500 Laramie

>> Mopar Ram Rebel: uma série especial com personalização ilimitada

 

Dodge Shakedown Challenger

Dodge Shakedown Challenger
Dodge Shakedown Challenger

A partir de um Dodge Challenger 1971, a Mopar criou um espetacular restomod (carros antigos restaurados e com preparação atual). Começando pelo visual, as modificações incluem faróis, lanternas e grade dianteira de Challenger 2017, novas rodas de 19 e 20 polegadas na dianteira e traseira, respectivamente, além de scoop no capô. As calhas e as maçanetas foram retiradas para dar ao cupê um visual mais limpo.

Dodge Shakedown Challenger
Cupê perdeu calhas e maçanetas para ficar mais “clean”

O motor é atual: um V8 Hemi de 6,4 litros e 492 cv com coletor de ar frio e escapamento duplo personalizado. O conjunto manda sua força para as rodas traseiras através de um câmbio manual de seis marchas Tremec derivado do Dodge Viper. A suspensão foi calibrada para melhor performance em pista, enquanto os freios Brembo são os mesmos usados nos Hellcat.

Dodge Shakedown Challenger
Bancos e volante vêm do Dodge Viper

Por dentro, o Shakedown Challenger traz estilo que combina bem o clássico e o moderno, respeitando as formas originais do painel, mas contando com instrumentos Mopar e acabamento de fibra de carbono — material também usado no console central e portas. Tanto o banco quanto o volante vêm do mítico Viper, sendo que a alavanca de câmbio veio diretamente de um Challenger Hellcat.

 

Ram Macho Power Wagon

Ram Macho Power Wagon
Picape tem suporte para caiaque na caçamba

Uma das principais picapes à venda nos Estados Unidos ganhou uma versão de nome um tanto hilário para fazer bonito no Sema Show. Trata-se da Ram Macho Power Wagon, inspirada no modelo de produção Power Wagon.

Continua após a publicidade
Ram Macho Power Wagon
Traseira e lateral tem detalhes pintados de preto

Ela tem carroceria pintada na cor vermelha (Macho Mango) e preta, além de novo para-choque dianteiro, molduras dos para-lamas e rodas de 18 polegadas pintadas de preto com bordas vermelhas calçadas em pneus todo terreno.

Há também ganchos para reboque e guincho para resgate em trilhas, bem como luzes de led no teto e santantônio integrado ao desenho da cabine. O motor é o V8 Hemi 6.4 de 416 cv com coletor de ar frio, atrelado a uma transmissão automática de seis velocidades.

 

Jeep CJ66

Jeep CJ66
Faróis e lanternas do conceito CJ66 são do Wrangler 2017

O CJ66 traz a carroceria do clássico Wrangler CJ de 1966, chassi e capô do Wrangler TJ (1986), além de componentes oriundos do Wrangler da atual geração (JK), como os faróis e lanternas. Três gerações do clássico Wrangler em uma. O jipe tem ainda rodas de 17 polegadas com pintura laranja nas bordas, escapamento esportivo Mopar, eixos Dana 445, guincho, santantônio, volante personalizado e bancos concha do Dodge Viper.

 

Dodge Durango Shaker

Dodge Durango Shaker
SUV tem rodas de 22 polegadas e capô shaker

O Dodge Durango também foi personalizado e ganhou um conceito. Com carroceria pintada num belo tom de azul, o utilitário traz rodas de 22 polegadas pintadas de preto, capô do tipo shaker (que mostra o V8 balançando quando é provocado), nova grade dianteira, faróis e lanternas com máscara negra e suspensão rebaixada com distância de 3 centímetros em relação ao solo.

Debaixo do capô há o V8 Hemi de 6,4 litros com coletor de ar frio, transmissão automática de oito velocidades e escapamento esportivo catback posicionado na parte central do para-choque. Na cabine, o toque final fica por conta dos seis bancos do Viper.

 

Chrysler Pacifica Cadence

Chrysler Pacifica Cadence
Minivan tem suporte para prancha e rodas de 20 polegadas

A Mopar também colocou suas mãos em uma minivan e a equipou com mais de 100 acessórios. A Pacifica Cadence tem inspiração no surf, de onde vem a pintura personalizada com grafismos nas cores branca e azul que remetem ao esporte. Há rodas de 20 polegadas com detalhes pintados de azul, suporte para levar pranchas no teto e até um canil para levar os animais de estimação no porta-malas.

Continua após a publicidade
Publicidade