Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Novos Mini Cooper S chegam ao Brasil custando menos que os antigos

Com modelo de entrada inédito, fabricante consegue lançar reestilização ao mesmo tempo que barateia o icônico Cooper S. Versão de topo sofre leve reajuste

Por Eduardo Passos Atualizado em 20 abr 2021, 19h49 - Publicado em 20 abr 2021, 19h48
O sonho do Mini próprio ficou mais barato
O sonho do Mini próprio ficou mais barato Divulgação/Mini

Diante da disparada nos preços de carros no Brasil, a Mini foi esperta ao lançar a nova reestilização do icônico Cooper S no Brasil. Agora o hatch tem novas versões de entrada, mais baratas do que as vendidas por aqui antes, nas configurações de três ou cinco portas.

Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 8,90 

O segredo foi criar uma nova linha de entrada, que sacrifica alguns luxos mas não perde a essência da marca. Batizada de Exclusive, a versão chega às lojas custando R$ 214.990 (versão de três portas) e R$ 224.990 (versão de cinco portas). As mudanças, entretanto, não se restringem ao Cooper mais acessível, havendo reestilização também na versão Top.

Por fora, os Mini mantiveram o jeito alegre e sóbrio ao mesmo tempo. A frente do carro, por exemplo, teve seus faróis salientados com fundo preto e leds de série. Além disso, há opções de faróis com tecnologia Matrix ou a função Adaptive LED Headlights.

Com exceção dos modelos Exclusive, os faróis de neblina foram removidos e deram lugar a entradas de ar mais aerodinâmicas. Assim como a grade dianteira, o para-choques foi redesenhado e, a partir de agora, tem sua parte central pintada na mesma cor da carroceria.

Dianteira ganhou renovação estética
Dianteira ganhou renovação estética Divulgação/Mini

O mesmo vale para o para-choques traseiro, que foi alterado a fim de estilo mais esportivo. As lanternas, também de led, trazem assinatura visual que remete à bandeira do Reino Unido e há opção de ponteira do escapamento em piano black.

No interior se destacam as texturas dos bancos e a moldura circular da central multimídia
No interior se destacam as texturas dos bancos e a moldura circular da central multimídia Divulgação/Mini

Por dentro, a decoração com texturas em xadrez se mantém e as mudanças se limitam a reestilização de itens como volante, console central e painel. O teto multitone, em três cores distintas, é opcional e seu processo de fabricação resulta em padrão de cores único para cada unidade.

Bandeira do Reino Unido é reproduzida na assinatura visual das lanternas
Bandeira do Reino Unido é reproduzida na assinatura visual das lanternas Divulgação/Mini

Em termos de tecnologia, os modelos contam com central multimídia de 8’’ e, nas versões Top, com sistema de navegação Mini e de áudio Harman/Kardon. Os controles de cruzeiro adaptativo, frenagem automática de emergência e assistentes de permanência em faixa e regulagem do farol alto mediante tráfego na contramão são de série, assim como câmera de ré e assistente de estacionamento.

Versão Exclusive de três portas é o novo Mini mais barato do Brasil
Versão Exclusive de três portas é o novo Mini mais barato do Brasil Divulgação/Mini

As diferenças entre as versões ficam restritas aos 7,2 cm de entre-eixos, 14,7 cm no comprimento total e 67 litros do porta-malas, além, claro, das portas. Todas as versões são iguais também na mecânica, com o motor 2.0 das versões anteriores.

Segunda fileira do Mini Cooper S de cinco portas não é um show de espaço. Mas, convenhamos, você compraria um Mini pensando nisso?
Segunda fileira do Mini Cooper S de cinco portas não é um show de espaço. Mas convenhamos, você compraria um pensando nisso? Divulgação/Mini

Turbo, a unidade gera 192 cv de potência e 28,5 kgfm de torque, transmitidos por câmbio automático Steptronic, de sete velocidades e dupla embreagem. Ligeirinho, o carro vai de 0 a 100 km/h em 6,7 segundos.

Mini elétrico

Carregando as baterias por cerca de R$ 30 (ou gratuitamente, em pontos de recargas específicos), Mini elétrico chega na mesma faixa de preço que modelos a combustão. Pode valer a pena
Enchendo as baterias por cerca de R$ 30 (ou gratuitamente, em pontos de recargas específicos), Mini elétrico chega na mesma faixa de preço que modelos a combustão. Pode valer a pena Divulgação/Mini

Anunciado em março, o Mini Cooper SE três-portas elétrico fez caminho inverso e ganhou uma nova versão de topo, batizada de Top Collection. O preço, mais uma vez, não é descolado do resto da categoria, tabelado em R$ 269.990. A versão elétrica mais barata é ainda mais em conta, partindo de R$ 239.990.

Entre os principais diferenciais da Top Collection, estão as rodas exclusivas aro 17″ Mini Electric Collection Spoke com pneus run-flat de série, além do teto multitone e decoração em alumínio.

Continua após a publicidade
Quem não tem bateria vai de motor 2.0, que não decepciona
Quem não tem bateria vai de motor 2.0 (que não faz feio) Divulgação/Mini

A versão sai de fábrica com um eSIM, de uso gratuito por três anos. Através dele, é possível acessar o sistema Mini Connected, que fornece uma série de serviços ao motorista e ao passageiro, e usufruir de concierge, chamada de emergência inteligente, notícias em tempo real, previsão do tempo e assistente de autonomia, que avisa a necessidade de incluir paradas para recarregar as baterias no trajeto e localizar os pontos de recarga disponíveis. O modelo possibilita ainda a conectividade com Amazon Alexa. 

O modelo possui transmissão de marcha única e motor capaz de entregar 184cv de potência e 27,5 kgfm de torque. A bateria de 32,6 kWh permite uma autonomia de até 234 km e pode ser alimentada em uma tomada doméstica com o carregador portátil, em sistemas rápidos como o Mini Wallbox e em pontos de recarga com descarga contínua, apenas.

Preços dos novos Mini que chegam ao Brasil

Mini Cooper S Exclusive 3-portas: R$ 214.990

Mini Cooper S Exclusive 5-portas: R$ 224.990

Mini Cooper S Top 3-portas: R$ 244.990

Mini Cooper S Top 5-portas: R$ 254.990

Mini Cooper SE Top Exclusive 3-portas (elétrico): R$ 239.990

Mini Cooper SE Top Collection 3-portas (elétrico): R$ 269.990

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

Capa Quatro Rodas Abril

 

 

Continua após a publicidade
Publicidade