Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Mercado brasileiro registra alta de 11,6% em julho

Fiat e Palio seguem liderando os rankings

Por Rodrigo Furlan Atualizado em 9 nov 2016, 13h56 - Publicado em 1 ago 2014, 21h13
mercado

O mercado automotivo brasileiro reagiu em julho, ao menos em relação ao desempenho registrado em junho. De acordo com os dados revelados nesta sexta-feira (1º) pela Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), houve um aumento de 11,64% nas vendas de automóveis e comerciais leves na comparação entre o sexto e o sétimo meses de 2014, com o número final de 279.815 unidades emplacadas.

O cenário, porém, ainda é negativo se forem levados em conta os números de 2013: queda de 13,62% – em julho do ano passado, foram negociados 323.917 exemplares. Analisando o acumulado do ano, o panorama também é de retração, mas de 8,33% (1.862.418 unidades em 2014, ante 2.031.697 em 2013).

Fiat e Palio na ponta

Em relação às marcas mais vendidas, a Fiat manteve sua já tradicional liderança, com 21,01% de participação de mercado em julho. Em seguida, vieram General Motors, com 17,94%, Volkswagen, com 17,45%, Ford, com 9,09%, e Hyundai, marcando 7,68%.

Quanto aos carros, pelo segundo mês seguido o Fiat Palio foi o primeiro colocado no ranking, emplacando 15.989 unidades. O Volkswagen Gol chegou a ser ameaçado, mas, com 14.347 carros, seguiu na segunda posição. Logo atrás, vieram Chevrolet Onix (14.015), Fiat Strada (12.585) e Hyundai HB20 (10.857).

O Onix, por sinal, foi um dos modelos que registrou a maior subida na comparação com o mês de junho, quando haviam sido vendidos 10.994 exemplares. Por outro lado, o Renault Sandero, recentemente renovado, perdeu fôlego: 5.425 unidades negociadas em julho, contra 6.832 em junho.

Continua após a publicidade

Publicidade