Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Menos potente e sedã, novo Honda Civic Si ainda defende o câmbio manual

Versão mais esportiva do Civic promete dirigibilidade mais divertida da família e pode vir ao Brasil

Por João Vitor Ferreira 20 out 2021, 09h51

Civic Si frontal

A Honda continua a expansão da gama de versões da 11ª geração do Civic. A novidade é a nova geração do Honda Civic Si, que perdeu um pouco de potência, mas promete uma experiência mais divertida ao motorista.

Assine Quatro Rodas por apenas R$ 12,90

Isso porque o Civic Si 2022 recebeu uma versão atualizada do motor VTEC 1.5 turbo de quatro cilindros, que agora gera 202 cv (6 cv a menos que a versão anterior) e 26,5 kgfm entre 1.800 e 5.000 rpm. A grande mudança está na entrega de uma curva de torque melhor, trazendo a força máxima cerca de 300 rpm mais cedo, combinando isso com um pico de potência na faixa dos 6.000 rpm.

Além disso, o Civic Si não se rendeu ao câmbio automático. Usa sempre um manual de seis marchas, que foi melhorado. As relações de marcha foram encurtadas em 10%, enquanto o trambulador ganhou montagem mais rígida para melhores engates. 

Civic Si traseira
O motor tem linha vermelha na faixa de 6500 rpm Divulgação/Honda

O volante do motor também está diferente, aliviado. O novo Civic Si tem volante de massa única, até 26% mais leve que a do modelo anterior, de massa dupla. O volante mais leve colabora para melhorar a dirigibilidade, além de deixá-la mais esportiva. A tração é dianteira mas tem diferencial de deslizamento limitado para melhorar o comportamento no contorno das curvas.

Uma grande diferença é que nesta geração o Civic Si é sempre sedã de quatro portas – não há mais Civic cupê. A distância entre eixos ganhou cerca de 33,5 cm, totalizando 273,5 cm. Já a bitola traseira ficou 1,2 cm mais larga para o Si. Essas mudanças foram feitas para melhorar a estabilidade e trazer um rodar melhor.

Civic Si frontal detalhe
As rodas tem 18” e 10 raios com pintura em preto fosco Divulgação/Honda
Continua após a publicidade

O Civic Si recebeu ajustes especiais na suspensão. Comparando com o sedã convencional, as molas estão 8% mais rígidas na dianteira e 54% na traseira. Os suportes McPherson da frente tem montagens superiores reforçadas para lidar com o aumento de cargas na curva. As barras estabilizadoras traseira (com 27mm de espessura e ocas) e dianteiras (18mm e maciças) também estão mais grossas para minimizar a oscilação da carroceria.

No design, o spoiler dianteiro escondido sob o veículo e o traseiro preto instalado na tampa do porta-malas aumentam a downforce e, consequentemente, aumentam a estabilidade em alta velocidade. Preto brilhante, nos retrovisores e no contorno das janelas, contrasta com a pintura Laranja Pérola Blazing escolhida para o lançamento. Faróis e lanternas traseiras são de leds e ambos os para-choques também tiveram o visual atualizado.

Civic Si lateral
Este é o Civic Si mais rígido de todos os tempos, com um aumento de 8% na rigidez torcional e de 13% na rigidez de flexão em comparação com o seu antecessor Divulgação/Honda

A Honda quis trazer um interior voltado para o motorista. Isso significa que os bancos esportivos com encosto de cabeça embutido receberam detalhes especiais, como apoios laterais mais proeminentes nos ombros e na parte inferior das coxas e assento elevado em 1,27 cm na frente para proporcionar maior conforto.

Civic Si interior
O sistema de áudio é da Bose com 12 auto-falantes, tecnologia Centerpoint 2 e processamento de sinal digital SurroundStage. É o melhor sistema de áudio de fábrica na história do Civic Si. Divulgação/Honda

O acabamento interno é feito com materiais premium, mas não foi especificado qual. As cores contrastam entre o preto e o vermelho das costuras e dos detalhes no nas saídas de ar. O painel colorido de 7’’ tem conta giros digital no lado esquerdo. No centro, ficam o visor de informações e o velocímetro analógico. A multimídia tem 9’’ e integração sem fio com Android Auto e Apple CarPlay. 

Civic Si alavanca de câmbio
O Civic Si tem três modos de direção Normal, Sport e Individual. Enquanto a direção esportiva melhora a resposta do acelerador e diminui a assistência na direção, o Individual permite que o motorista personalize à sua maneira todas as especificações de pilotagem Divulgação/Honda

Seguindo o padrão da 11ª geração do Civic, o Si também tem o pacote de segurança Honda Sensing, que inclui frenagem automática de emergência, alerta e correção para saídas de faixas, leitura de placas de trânsito, piloto automático adaptativo, airbags frontais, laterais e de cortina, assistente de partida, assistente de partida em rampas e controles de estabilidade e tração. 

Civic Si interior bancos

O preço ainda não foi divulgado, mas como o plano da Honda é que o Civic Si chegue nas concessionárias antes do final do ano, é provável que ele seja divulgado em breve. Com o fim da produção da linha no Brasil, a nova geração só virá por importação na versão Touring, mas a venda do Si ainda não está descartada.

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital

A edição 750 de QUATRO RODAS já está nas bancas!
A edição 750 de QUATRO RODAS já está nas bancas! Arte/Quatro Rodas
Continua após a publicidade

Publicidade