Clique e assine por apenas 8,90/mês

GM pode tomar multa de R$ 10 milhões por vazamento de combustível do Onix

Procon-SP questiona a fabricante sobre por que o caso não gerou recall; QUATRO RODAS apurou que há 30.000 unidades com risco de vazamento

Por Leonardo Felix, Renan Bandeira e Waldez Amorim - Atualizado em 22 jan 2020, 14h13 - Publicado em 17 dez 2019, 12h06
Novo Chevrolet Onix: no detalhe, o ponto do tanque de combustível onde pode ocorrer vazamento Arte/Quatro Rodas

Mal conseguiu reverter a falha no software que gerava a quebra do bloco do motor e até incêndios do novo Chevrolet Onix, e a GM já está tendo de lidar com outro problema detectado no projeto da família de hatch e sedã.

Nesta semana, os colegas da revista Carro descobriram dois boletins de recall divulgados desde o fim de novembro no aplicativo Meu Chevrolet. Um envolve o led de iluminação das funções da manopla do câmbio automático.

Já o segundo despertou mais atenção, pois se trata de um comportamento mais grave: vazamento de combustível.

QUATRO RODAS foi atrás dos boletins internos encaminhados às concessionárias e descobriu que quase 30.000 carros podem apresentar o defeito, tanto de carroceria hatch quanto sedã, e tanto usando motor turbo quanto aspirado.

Continua após a publicidade

Dos 29.512 códigos de chassi presentes na campanha de serviço, 20.994 usam carroceria três-volumes.

Os intervalos finais de chassi vão de LG100091 a LG143262 em exemplares com motor turbo, e de LG105005 a LG142013 naqueles com propulsor naturalmente aspirado.

Já o Onix hatch tem 8.518 exemplares afetados, sob os seguintes intervalos: LG100282 a LG145125 (turbo); LG104302 a LG139758 (aspirado).

Falha afeta unidades com motor aspirado ou turbo Fernando Pires e Fabio Gonzalez/Quatro Rodas

Notificação e risco de multa

Procurada, a GM afirma que o procedimento não é um recall, mas sim uma “campanha de serviço”, mas não confirmou o número de unidades afetadas apurado por nossa reportagem.

Continua após a publicidade

Também não informou oficialmente como está procedendo em relação aos clientes. Entretanto, no boletim aos concessionários, a fabricante dá a seguinte recomendação:

“Para veículos já vendidos e/ou já entregues, contatar todos os clientes das unidades, conforme listagem constante do Anexo I, por meio de telefonema, conforme roteiro constante.”

No caso de exemplares em estoque ainda aguardando comprador, a orientação interna é: “Para veículos no estoque, bem como a serem recebidos dos transportadores, efetuar obrigatoriamente o procedimento (…) antes da entrega ao proprietário”.

Procurado por nossa reportagem, o diretor-executivo do Procon-SP, Fernando Capez, classificou como “gravíssimo” o caso e informou que o órgão de defesa do consumidor notificará a GM na tarde desta terça-feira (17) a respeito do caso.

Continua após a publicidade

Segundo o executivo, a empresa terá de explicar o problema de maneira detalhada e informar por que ele não é passível de recall.

Caso a argumentação seja considerada inválida e a fabricante continue se negando a fazer o recall, pode tomar uma multa de até R$ 10 milhões.

Onde está a falha?

Mais precisamente, nos conectores da tubulação Y que leva o combustível do tanque ao filtro. De acordo com o comunicado interno da GM à rede, estes conectores podem estar “com o material fora do especificado”.

A solução consiste em “substituir o trecho da tubulação de alimentação de combustível” especificada em vermelho na imagem abaixo. Segundo o boletim interno, o serviço será coberto pela garantia dos veículos.

Continua após a publicidade
Boletim interno indica a concessionários qual peça eles devem trocar Reprodução/Quatro Rodas

Troca dos leds

O segundo boletim citado no começo desta reportagem se refere à substituição do chicote dos leds que iluminam a alavanca do câmbio automático de Onix hatch e Plus.

Trocar marchas sequecialmente no câmbio de seis marchas do Onix Plus só é possível através destes botões na lateral da alavanca, e se ela estiver na posição L, que permite escolher uma marcha limite para otimizar o freio-motor em ladeiras Christian Castanho/Quatro Rodas

Além de ser uma falha menos grave, afeta um número pouco menor de unidades: 419 do Plus (chassis LG100091 a
LG139179) e 5.777 do hatch (LG100225 a LG143317).

Publicidade