Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Ford encerra produção de carros na Austrália após 91 anos

Decisão havia sido anunciada em 2013; último veículo produzido foi um Falcon XR6

Por Vitor Matsubara Atualizado em 23 nov 2016, 21h48 - Publicado em 7 out 2016, 15h47
Ford Falcon XR6 e XR8
O nome Falcon virou sinônimo de Ford no mercado australiano

A Ford anunciou nesta sexta-feira, 7 de outubro, o encerramento da produção de veículos na Austrália, em conformidade com a decisão revelada em 2013. De acordo com a emissora ABC, das 1.300 dispensas anunciadas pela empresa há três anos, aproximadamente metade desse volume de funcionários já deixou a Ford ou migrou para outras áreas da companhia.

Além do fim da produção de carros no país, a data marca a despedida do Falcon, modelo mais famoso da história da Ford na Austrália. Não por acaso, o último veículo produzido foi justamente um Falcon XR6 na cor azul.

A marca do oval azul iniciou sua história por lá em 1925, produzindo o clássico modelo T na planta de Geelong. Nos anos seguintes, várias fábricas foram inauguradas pelo país. A empresa dominou o mercado local até a chegada da Holden em 1959, que rapidamente se tornaria sua grande rival na indústria automotiva australiana.

A Ford é a primeira das três grandes fabricantes remanescentes na Austrália a deixar de fabricar veículos no país – depois dela, Holden e Toyota também fecharão suas plantas australianas em 2017. No passado, o mercado australiano já chegou a ter 11 montadoras, mas os resultados ruins ou os altos custos de produção resultaram na saída gradual de praticamente todas as empresas. 

Continua após a publicidade

Publicidade