Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Fiat pode mudar sede para os EUA, diz agência

75% do lucro operacional da montadora vem da América do Norte

Por Rodrigo Furlan Atualizado em 9 nov 2016, 12h25 - Publicado em 16 Maio 2013, 18h28
mercado

A Fiat poderá mudar sua sede da cidade de Turim, Itália, onde está situada desde sua fundação (1899), para os Estados Unidos. A informação foi revelada em notícia da agência Bloomberg, explicando que o CEO Sergio Marchionne está ponderando a possibilidade, mas ainda não bateu o martelo.

A medida seria decorrente de dois fatores. Um é a iminente aquisição integral da Chrysler, que vem sendo planejada pela Fiat há semanas. O outro é a importância do mercado norte-americano para a companhia, já que 75% do lucro operacional obtido pelo grupo em 2012 foi proveniente da região.

A própria Bloomberg repercutiu o assunto, procurando autoridades italianas para falar sobre o caso. Nesse sentido, Carlo Dell’Aringa, subsecretário do Ministério do Trabalho da Itália, manifestou preocupação. “Não seria uma boa notícia. Mesmo que essa mudança para os EUA não signifique um abandono imediato das fábricas e da produção, seria uma ação que despertaria dúvidas sobre o futuro da companhia no país”.

Continua após a publicidade

Publicidade