Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Em Cuba, carros novos têm aumento de até 400%

Abertura do mercado local provocou disparada nos preços

Por Natali Chiconi Atualizado em 9 nov 2016, 12h57 - Publicado em 6 jan 2014, 14h44
mercado

Uma reportagem publicada pela agência de notícias Reuters mostra que, apesar de Cuba ter liberado a venda de veículos novos no país – algo que não acontecia desde 1959 – os possíveis compradores estão sofrendo com índices altos de inflação acumulada durante meio século de paralisia do mercado local.

Segundo a publicação, há modelos que tiveram um aumento de até 400% em seu valor. Um exemplo é o Peugeot 508: há lojas na ilha que cobram US$ 262 mil pelo modelo.

Além do mercado de carros novos, os usados também sofrem com os altos preços em Cuba. Para se ter uma ideia, dentro da ilha se vende um Renault 2005 por US$ 25 mil, ao passo que em outros países esse modelo é comercializado por US$ 3 mil.

Continua após a publicidade

Publicidade