Clique e assine por apenas 8,90/mês

Dirigimos o Porsche 911 GTS – no Brasil ainda neste semestre

Versão apimentada do esportivo será vendida em três opções de carroceria, partindo de R$ 687 mil

Por Vitor Matsubara - 6 fev 2017, 15h16
Porsche 911 GTS

Lendas existem para serem admiradas. Ou melhor, surgem da admiração coletiva. E o novo 911 Carrera GTS não foge à regra há várias gerações. Design clássico e dirigibilidade irrepreensível são apenas duas das características que fazem o modelo colecionar uma legião de fãs.

Recém-reestilizado, o 911 traz novidades visuais na versão GTS, sendo a maior delas a carroceria alargada em 44 milímetros na traseira. Na mesma parte do veículo, a versão se diferencia pelas lanternas escurecidas, logotipos pretos e duas ponteiras centrais de escapamento.

Porsche 911 GTS

As configurações com tração traseira, aliás, são identificadas por uma discreta faixa preta entre as lanternas, ausente nas opções com tração integral. Já a versão Targa traz um acabamento preto no santantonio pela primeira vez.

Segundo a nova diretriz da marca de apenas utilizar motores sobrealimentados, o GTS aposentou o antigo propulsor com aspiração natural. A mudança fez bem ao 3.0 boxer de seis cilindros, que agora entrega 450 cv – um incremento de 20 cv em relação à geração anterior e 30 cv em comparação ao Carrera S.

Facelift no 911 alargou os para-lamas traseiros
Facelift no 911 alargou os para-lamas traseiros

Assim como ocorre há décadas, o 911 é um esportivo feito para agradar quem está atrás do volante. Pelo menos foi essa a impressão deixada após um longo test-drive pelas ruas de Cidade do Cabo e uma parada no autódromo Killarney Raceway.  Se você quer andar rápido, o GTS atenderá prontamente sua vontade.

Continua após a publicidade
Porsche 911 GTS

Números da Porsche indicam aceleração de 0 a 100 km/h em 3,7 segundos (com câmbio PDK no modo Sport Plus) e velocidade máxima de 310 km/h no Carrera GTS Coupé – no caso do Carrera 4 GTS, os números caem para 3,6 segundos e 308 km/h. Pressione o botão que deixa o escapamento mais barulhento e divirta-se. Prefere andar sem pressa? Tudo bem: no modo Normal o 911 roda com suavidade incomum para um esportivo.

Porsche 911 GTS

Seja qual for sua escolha, o 911 GTS continua impressionando pela agilidade das trocas de marcha na transmissão PDK. As respostas do volante são muito rápidas, combinando perfeitamente com o comportamento estável do carro, mesmo quando levado ao limite. Embora seja bastante equilibrado, o 911 GTS poderia ter uma direção um pouco mais pesada em altas velocidades no modo Sport – como acontece se o veículo estiver no modo Sport Plus, proporcionando maior sensação de controle para o motorista. Esta característica, no entanto, não chega a atrapalhar o prazer da condução.

Todo o interior é forrado em Alcantara
Todo o interior é forrado em Alcantara divulgação/Quatro Rodas

Uma novidade interessante é o Porsche Track App. Baseado nos complexos programas de telemetria vindos do automobilismo, o aplicativo para smartphone fornece informações sobre voltas realizadas em circuitos fechados. Além dos tempos de cada volta, o Track Precision App mostra gráficos de desempenho (incluindo pontos de frenagem e aceleração e até o traçado realizado pelo piloto) e grava as voltas em vídeo, auxiliando o condutor a extrair o máximo de seu veículo em track days.

Porsche 911 GTS na versão Targa
Porsche 911 GTS na versão Targa

O 911 GTS chega ao Brasil ainda no primeiro semestre apenas com câmbio de dupla embreagem PDK, nas versões Coupé, Cabriolet e Targa. Os preços vão de R$ 687 mil a 763 mil.

Veja abaixo todos os valores:

Porsche 911 Carrera GTS Coupé: R$ 687 mil
Porsche 911 Carrera GTS Cabrio: R$ 729 mil
Porsche 911 Carrera 4 GTS Coupé: R$ 721 mil
Porsche 911 Carrera 4 GTS Cabrio: R$ 763 mil
Porsche 911 Carrera 4 GTS Targa: R$ 763 mil

Continua após a publicidade
Publicidade