Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Audi quer dobrar concessionárias no Brasil até 2020

Objetivo é aumentar, significativamente, o lucro de cada uma delas

Por Paula Bezerra, de Exame.com Atualizado em 9 nov 2016, 12h43 - Publicado em 17 set 2013, 18h14
mercado

A montadora alemã Audi deseja dobrar o número de concessionárias no Brasil até 2020. Segundo informações publicadas no Valor Econômico, o presidente da empresa, Jörg Hofmann, afirmou que além de ampliar o número, ele pretende aumentar a lucratividade delas.

O anúncio ocorreu durante um evento promovido pela Audi nesta terça-feira, em Brasília. Além disso, Hoffman comunicou a retomada da produção no país.

Já o presidente da Audi AG, Rupert Stadler, enfatizou o interesse da montadora no país e que fará o investimento após reunião com a presidente Dilma Rousseff.

A entrega de carros cresceu 40% no Brasil, resultando no número de sete mil unidades. Em 2013, a meta provisória estabelecida pela companhia já foi atingida. Já para 2020, o objetivo do grupo é alcançar a entrega global de dois milhões de unidades.

Além disso, marca das quatro argolas também aproveitou o evento para anunciar o lançamento do novo A3 em outubro.

Continua após a publicidade

Publicidade