Após escândalo, Nissan assume controle acionário da Mitsubishi

Compra foi acelerada pela situação delicada da Mitsubishi, que assumiu ter fraudado números de consumo no Japão

Painel do Lancer Sportback Ralliart, da Mitsubishi Painel do Lancer Sportback Ralliart, da Mitsubishi

Painel do Lancer Sportback Ralliart, da Mitsubishi (/)

Menos de um mês após a divulgação do escândalo em que assumiu fraudar testes de consumo no Japão, a Mitsubishi Motors teve 34% de suas ações adquiridas pela Nissan, num negócio de US$ 2,2 bilhões. Na prática, a Nissan (presidida pelo brasileiro Carlos Ghosn) torna-se a principal acionista da empresa, historicamente ligada ao grupo Mitsubshi, um dos maiores conglomerados industriais e financeiros do planeta.

A polêmica do consumo foi descoberta pela própria Nissan, para quem a Mitsubishi fabricava microcarros destinados ao mercado japonês. A queda acentuada no valor das ações da Mitsubishi deu mais impulso ao processo de compra, que já era alvo de boatos antes mesmo da crise. Com isso, a Mitsubishi pode voltar a ter uma injeção de capital para novos investimentos e correções, a exemplo do que houve com a própria Nissan em 1999, quando a Renault tornou-se sua principal acionista, formando a aliança Renault-Nissan, hoje o quarto maior produtor de automóveis do mundo.

Segundo o CEO Ghosn, a nova aliança deve envolver compartilhamento de plataformas, fornecedores, manufatura e pesquisa tecnológica, numa estratégia para redução de custos que deve manter a identidade própria da linha Mitsubishi. “Nós não vamos mudar a Mitsubishi. A Mitsubishi é que vai mudar por si própria. E nós vamos ajudá-los a fazer isso”.

O negócio também confirma as previsões de que o número de fabricantes japoneses deve diminuir nos próximos anos. Analistas acreditam que, no futuro, o processo de fusão concentre as marcas em apenas três: Toyota, Honda e Nissan, o que significaria a absorção de nomes como Suzuki, Mazda, Subaru e Daihatsu.

 

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s