Alerta de permanência em faixa reduz acidentes fatais em até 85%

Item de segurança ativa diminuiu o número de colisões em 18% em 2016

Equipamento diminuiu significativamente o número de colisões frontais

Equipamento diminuiu significativamente o número de colisões frontais (Kia/Divulgação)

O alerta de permanência em faixa reduziu em até 85% o número de acidentes fatais nos Estados Unidos em 2016. A informação foi divulgada pelo IIHS, instituto responsável por regulamentar a segurança viária naquele país.

O levantamento afirma que o número de colisões frontais envolvendo veículos equipados com o item de segurança caiu 18%, reduzindo a incidência de acidentes com ferimentos leves em 24%. Se analisarmos o número de acidentes fatais, a queda foi de expressivos 86%.

As picapes também entram na estatística: o número de colisões envolvendo carros com o alerta caiu pela metade no território norte-americano em 2015. Na Suécia, a redução nos números de acidentes entre automóveis de passeio com o item foi de 53%.

Sistema de frenagem autônoma será obrigatório nos EUA em 2022

Sistema de frenagem autônoma será obrigatório nos EUA em 2022 (Mercedes-Benz/Divulgação)

Outros sistemas de segurança ativa também contribuem para diminuir acidentes. No caso de carros equipados com alerta de pontos cegos, o número de colisões despencou 14% e a incidência de batidas com feridos caiu 23%.

Estudos anteriores realizados pelo IIHS apontaram que o sistema de frenagem autônoma (que será obrigatório na maioria dos veículos vendidos nos EUA a partir de 2022) diminuiu o número de colisões traseiras em 50%, enquanto as câmeras de ré impediram um a cada seis acidentes.

O IIHS, porém, só deixou de mencionar um fator importante em seu estudo: veículos equipados com todos estes itens tendem a ser mais novos (e mais seguros) do que os carros sem o equipamento, o que também pode influenciar nos resultados.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s