Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

O carro consome mais rodando com o tanque cheio?

O que é melhor para economizar combustível: rodar com o tanque cheio ou com ele mais vazio, para aumentar a evaporação?

Por Leonardo Barboza 7 abr 2022, 10h04
O que é melhor para economizar combustível: rodar na cidade com o tanque cheio (menos evaporação) ou com meio tanque (menos peso)?

João Alfredo de Mendonça Junior, Fortaleza (CE)

Tanto faz! Como a evaporação se processa pela área e não pelo volume, ela será a mesma com o tanque cheio ou com pouco combustível.

O peso do tanque cheio também não faz diferença. Enquanto um litro de água pesa 1 kg; um litro de gasolina pesa 25% menos, pesa só 750 gramas. O litro de etanol anidro (sem água) pesa pouco mais, 791,5 gramas.

Logo, um tanque de 50 litros cheio não chega a pesar 40 kg, independente do combustível. É equivalente ao peso de uma criança. Portanto, 40 kg a mais ou a menos não interferem significativamente no rendimento do carro.

Compartilhe essa matéria via:
Continua após a publicidade

O que aumenta o consumo do carro?

Em 2015, QUATRO RODAS usou um Fiat Palio Essence 1.6 para repetir testes de consumo rodoviário com gasolina e descobrir como cada situação prejudica o consumo do carrro. Os resultados foram os seguintes:

Volta de controle: 14,9 km/l – O primeiro teste foi feito em condições ideais para obter o melhor índice de consumo possível.

Vidros abertos: 14,8 km/l (-0,7%) – Carros modernos sofrem menos com a influência dos vidros dianteiros abertos, mas há uma piora.

Peso extra: 14,5 km/l (-2,7%) – O lastro de 50 kg no bagageiro influenciou a medição, mas os gastos com peso não se limitam ao combustível.

Baixa pressão: 14,4 km/l (-3,3%) – A pressão dos pneus foi reduzida em 30%. De 28 libras para 19,6, considerando o uso rodoviário. Uma avaliação realizada pela Michelin mostrou que 50% dos motoristas costumam rodar frequentemente com pneus descalibrados – e 10% deles com pressões perigosamente baixas.

Bicicleta: 14,2 km/l (-4,7%) – No teto ou na traseira, o rack com bicicletas aumenta o arrasto aerodinâmico e piora o consumo significativamente.

Ar-condicionado: 14,1 km/l (-5,3%) – De todos os vilões, o ar-condicionado foi quem mais aumentou o consumo de combustível.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue lendo, sem pisar no freio. Assine a QR.

Impressa + Digital

Plano completo da QUATRO RODAS! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

Receba mensalmente a QUATRO RODAS impressa mais acesso imediato às edições digitais no App QUATRO RODAS, para celular e tablet.

a partir de R$ 14,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

App QUATRO RODAS para celular e tablet, atualizado mensalmente.

a partir de R$ 9,90/mês