Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Automóveis precisam seguir alguma norma de ruídos internos?

A banda não toca à vontade: há normais nacionais e internacionais para o ruído interno

Por Leonardo Barboza Atualizado em 11 Maio 2021, 18h19 - Publicado em 28 dez 2020, 09h11
Teste de ruido
QUATRO RODAS mede o nível de ruído dos carros que testa Fernando Pires/Quatro Rodas

As fábricas seguem alguma Norma Brasileira (NBR) para avaliar ruídos no interior do veículo? Quais são os níveis máximos de pressão sonora que os veículos de passeio podem emitir em seu interior? – Mário de Peder, São Paulo (SP)

Quem esclarece este tema é o engenheiro Jonathan Marxen, mentor de tecnologia em sistemas autônomos da SAE Brasil. De acordo com ele, a legislação brasileira impõe diversas normas e limites para ruído externo, como, por exemplo, as NBR 15145, NBR 9714 e NBR 5483, motivada principalmente pelo bem-estar da população em ambiente urbano.

Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 6,90

Com relação a ruído interno, existe um procedimento internacional para a sua medição: a ISO 5128. No entanto, a legislação brasileira não impõe limites específicos.

Cada fabricante adota seus próprios critérios, baseados nas expectativas dos clientes de determinado produto e posicionamento da marca. Cabe destacar que, com relação a veículos comerciais (caminhões e ônibus), determinado cliente ou processo licitatório podem exigir um nível máximo de pressão sonora interna.

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

Capa Quatro Rodas 740
arte/Quatro Rodas
Continua após a publicidade
Publicidade