Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Airbag externo promete tornar colisões laterais 40% menos “letais”

Novas tecnologias: depois de ocupar todos os cantos dentro do veículo, airbag agora vai na parte de fora para reduzir os impactos laterais

Por Paulo Campo Grande Atualizado em 25 mar 2021, 12h03 - Publicado em 3 set 2019, 07h00
Airbag externo promete tornar colisões laterais 40% menos "letais"
Jonatan Sarmento/Arte/Quatro Rodas

Os veículos autônomos prometem acabar com os acidentes de trânsito quando todos os carros, motos, bicicletas, pedestres e ruas estiverem conectados.

Como esse dia de conexão total ainda vai demorar e, antes, haverá uma fase em que os autônomos circularão lado a lado com modelos guiados por humanos, as fábricas tratam de desenvolver novos dispositivos de segurança adaptados a esse cenário.

A fornecedora alemã ZF propõe um airbag externo, para proteção contra colisões laterais.

Assim como um airbag interno, o externo é uma bolsa que infla com gases resultantes de uma reação química, detonada por um gatilho pirotécnico em caso de acidente.

Continua após a publicidade

Seu acionamento é decidido por uma central inteligente com base em informações de sensores. O airbag externo funciona como um para-choque lateral inflável.

Ele absorve a colisão, dispersando a energia do impacto por meio de sua estrutura e que ainda protege o veículo que causou o acidente. De acordo com a ZF, ele reduz em até 40% a gravidade dos choques.

Confira na ilustração abaixo os detalhes do dispositivo:

Airbag externo promete tornar colisões laterais 40% menos "letais"
Jonatan Sarmento/Arte/Quatro Rodas

 

Continua após a publicidade

Publicidade