Tesla oficializa Model X, seu primeiro SUV elétrico

SUV tem espaço para até sete ocupantes, portas asa-de-gaivota e o maior para-brisa do mercado

fabricantes fabricantes

fabricantes (/)

O primeiro protótipo do Model X foi mostrado pela Tesla Motors em fevereiro de 2012. À época, a companhia californiana talvez não fizesse ideia do sucesso que atingiria nos Estados Unidos e em outros países com o sedã Model S e, muito por conta disso, os planos de lançamento do utilitário esportivo foram adiados ao longo desse período.

tesla-model-x-2.jpeg tesla-model-x-2.jpeg

tesla-model-x-2.jpeg (/)

Mas, depois de alguns flagrantes e vazamentos de informações, a espera acabou. Na noite de terça-feira, a Tesla apresentou oficialmente a versão de produção do Model X e deu diversos detalhes a respeito do modelo, cujas primeiras entregas devem ocorrer apenas no segundo semestre de 2016.

tesla-model-x-4.jpeg tesla-model-x-4.jpeg

tesla-model-x-4.jpeg (/)

O design do Model X não é de todo surpreendente, lembrando as linhas de modelos como BMW X6 e Mercedes-Benz GLE Coupe. Mas basta que as portas se abram para que qualquer pessoa perceba que se trata de um modelo bem diferente, já que as portas traseiras no formato “asa de falcão” dão aspecto futurista ao utilitário. Uma curiosidade: segundo a Tesla, a novidade tem o maior para-brisa atualmente disponível no mercado.

tesla-model-x-3.jpeg tesla-model-x-3.jpeg

tesla-model-x-3.jpeg (/)

Partindo para a cabine, há duas configurações disponíveis de lugares: 2 + 2 + 2 ou 2 + 3 + 2, ou seja, lugares para seis ou sete ocupantes. A terceira fileira pode ser totalmente rebatida caso seja necessário ampliar o espaço de carga, enquanto a segunda foi projetada para oferecer o máximo de conforto aos passageiros, priorizando o espaço para as pernas.

tesla-model-x-6.jpeg tesla-model-x-6.jpeg

tesla-model-x-6.jpeg (/)

Sabe-se também que a Tesla não abre mão de desempenho em seus modelos, e o Model X não parece ser exceção. Por fora, vale mencionar que conseguiu um bom coeficiente aerodinâmico, de 0,24, e ainda conta com um aerofólio traseiro ativo, que pode adotar até três posições quando o carro estiver em movimento.

tesla-model-x-5.jpeg tesla-model-x-5.jpeg

tesla-model-x-5.jpeg (/)

Quanto ao trem de força, duas versões estão disponíveis, ambas com tração integral. Na 90D, estão presentes dois motores elétricos de 259 cavalos de potência, permitindo que o modelo acelere de 0 a 96 km/h em 4,8 segundos e tenha autonomia de 414 km. Já na P90D, há um motor de 259 cv e um de 503 cv, fazendo com que o Model X avance a 96 km/h em 3,8s. No entanto, se o pacote Ludicrous Speed estiver instalado, esse tempo cai para 3,2s.

Vale mencionar ainda que o SUV elétrico tem diversas tecnologias de conveniência, assistência à direção e segurança, como suspensão a ar, frenagem automática de emergência, sistema de segurança ativo com monitoramento via câmera, radar e sonar e sistema de controle climático isento de elementos poluidores do meio-ambiente. Por essas e outras, apesar de não ter tido os preços divulgados abertamente, já se sabe que o valor do Model X deve superar os US$ 140 mil quando equipado com opcionais.

VEJA MAIS– Tesla Model X será veloz e muito caro– Tesla S quebra recorde das avaliações do Consumer Reports

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s