Próximo Nissan GT-R deverá ter 700 cv

Modelo chegará ao mercado em 2018

impressoes impressoes

impressoes (/)

A próxima geração do Nissan GT-R será híbrida e terá cerca de 700 cv de potência, segundo apurou o AutoBild. Com lançamento previsto para 2018, o esportivo japonês vai aproveitar o trem de força desenvolvido para o GT-R LM NISMO, modelo que irá competir no Campeonato Mundial de Endurance a partir das 24h de Le Mans, em junho, porém com desempenho reduzido.

A medida busca reduzir o consumo de combustível e aprimorar a durabilidade do conjunto, já que, sem limitações, o pacote híbrido do motor a combustão 3.0 litros V6 biturbo com o motor elétrico desenvolve cerca de 1.250 cv na sua versão de competição, com transmissão sequencial de cinco marchas, embreagem de três discos de carbono e sistema pneumático de mudanças de marcha através de borboletas no volante.

Além de significativamente mais potente do que a atual geração, equipada com motor V6 3.8 litros de 550 cv, o novo GT-R será bem mais leve, caindo de 1.746 kg para algo em torno de 1.400 kg, se aproximando dos seus concorrentes diretos feitos por marcas como McLaren, Porsche e Ferrari.

Nissan GT-R LM NISMO

nissan_gt-r-lm_nismo_1.jpeg nissan_gt-r-lm_nismo_1.jpeg

nissan_gt-r-lm_nismo_1.jpeg (/)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s