Possível saída do Reino Unido da UE deixa Nissan em alerta

CEO da montadora diz que investimentos "seriam reconsiderados"

mercado mercado

mercado (/)

A Nissan está atenta à situação do Reino Unido, que cogita sua saída da União Europeia, a ser definida pelo voto popular num referendo programado para 2017. E, aparentemente, a montadora japonesa não parece gostar de tal possibilidade.

Em entrevista à BBC, Carlos Ghosn, CEO da Nissan, disse que a saída do Reino Unido do bloco provocaria uma reconsideração dos investimentos feitos pela marca em solo britânico. “Não acho que esse seja o cenário mais provável, mas, se ele se concretizar, teremos que verificar o significado dele em relação ao nosso futuro”, afirmou.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s