Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Novo Classe E ganha câmbio de nove marchas

Transmissão reduziu consumo de combustível do sedã

Por Vitor Matsubara Atualizado em 9 nov 2016, 12h35 - Publicado em 23 jul 2013, 14h21
fabricantes

Uma nova transmissão automática de nove marchas é a principal novidade de um pacote de melhorias implantado pela Mercedes-Benz no novo Classe E.

O sedã recém-lançado no Brasil abandona a caixa 7G-Tronic de sete marchas em favor da nova transmissão, batizada de 9G-Tronic. A troca foi realizada de olho na economia de combustível, já que o novo Classe E faz 15,6 km/l na cidade, contra 14,4 km/l de seu antecessor. Em percurso rodoviário, ele continua fazendo mais de 21 km/l. As emissões de poluentes também caíram, de 144 gramas de CO2 por quilômetro para 138 gramas por quilômetro rodado.

Na versão E220 BlueEfficiency, a antiga caixa automática de seis marchas foi substituída pela supracitada transmissão de sete velocidades 7G-Tronic. O lançamento de uma inédita versão E200 NGD, equipada com o mesmo motor 2.0 movido a gás natural do B200 Natural Gas Drive, completa o pacote de modificações. Segundo dados fornecidos pela marca, o carro de 154 cv acelera de 0 a 100 km/h em 10,4 segundos e entrega um consumo médio de 15,8 km/l, combinando os números urbano e rodoviário.

Continua após a publicidade

Publicidade