Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Multinacional chinesa oferece US$ 25 milhões pela Fisker

Montadora passa por sérias dificuldades financeiras

Por Natali Chiconi Atualizado em 9 nov 2016, 12h57 - Publicado em 6 jan 2014, 15h49
fabricantes

Maior fabricante de peças automotivas, a Wanxiang ofereceu uma alta quantia pela Fisker Automotive, que passa por sérias dificuldades financieras. Segundo a agência Reuters, os credores da marca pediram sua falência à corte de Wilmington, em Delaware.

A oferta inicial da empresa chinesa é de US$ 24.725 milhões. Um entrave, porém, é que a Fisker já tinha um pré- acordo com uma empresa japonesa afiliada à Li, mas a proposta dos chineses parece ser mais atraente e, por isso, representantes da marca terão uma reunião nesta sexta-feira.

Caso adquira a Fisker, a Wanxiang deve reiniciar a produção de partes automotivas em Michigan, nos Estados Unidos, em vez da Finlândia.

A estimativa da marca é vender mais de 1.000 Karma híbridos em seus primeiros 18 meses de automação nos Estados Unidos e 500 unidades na Europa.

Continua após a publicidade

Publicidade