Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

McLaren 720S ganha pintura especial nas cores icônicas da Gulf Oil

Além do novo design para o modelo, os dois carros de Fórmula 1 da McLaren terão a mesma pintura no GP de Mônaco

Por Pedro Henrique Oliveira Atualizado em 17 Maio 2021, 22h54 - Publicado em 18 Maio 2021, 08h00
McLaren 720S de 3/4 de frente azul e laranja em salão
O modelo 720S foi o escolhido para ganhar cores da parceria entre a Gulf Oil e a McLaren Divulgação/McLaren

Após se tornarem parceiras novamente no ano passado, McLaren e Gulf Oil estão celebrando sua reaproximação de um jeito diferente. A fabricante britânica revelou uma nova pintura para o modelo de luxo 720S baseada na paleta de cores clássica da empresa petrolífera norte-americana. 

Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 8,90. 

A McLaren, junto à Gulf, já havia lançado uma edição especial do Elva com as cores características da empresa de combustível, mas agora quem ganha a nova roupagem azul e laranja é o modelo 720S, um modelo com produção em escala maior.

O projeto foi realizado pela divisão de operações especiais da McLaren e a pintura levou 20 dias para ficar pronta. Afinal, foi feita a mão por artistas. Além do visual externo exótico, o veículo tem o logo da Gulf nos estofados, pinças de freio laranjas e uma faixa no volante. 

Banco do McLaren 720S visto 3/4 de frente com detalhes em laranja
O novo design inclui o logo da Gulf Oil nos bancos e detalhes em laranja no interior Divulgação/McLaren

A parceria não para por aí. Os dois carros da McLaren que integram o grid da Fórmula 1 também estão com pintura nova. Os modelos MCL35M, pilotados pelo britânico Lando Norris e pelo australiano Daniel Ricciardo, também entrarão na pista com a pintura da Gulf no GP de Mônaco, no próximo domingo (23). 

Daniel Ricciardo e Lando Norris sentados no carro de Fórmula 1 da McLaren visto de frente
Norris (direita) e Ricciardo (esquerda) elogiaram a nova pintura dos carros da escuderia. Divulgação/McLaren

Os carros terão uma pintura com os tons azul e laranja da Gulf Oil, mas serão totalmente foscos. Além disso, o macacão dos pilotos assim como seus capacetes serão personalizados com um design retrô. O vídeo abaixo mostra a revelação da nova pintura. 

Continua após a publicidade

Lando Norris, um dos pilotos da escuderia, afirmou que os carros irão se destacar pelas ruas de Mônaco. “Acho que todos podem concordar que será o carro mais bonito do grid”, disse. Ricciardo também se mostrou empolgado com as novas cores. “ Claro, eu adoro isso. É legal”, afirmou. 

O CEO da McLaren Racing e chefe de equipe da escuderia na Fórmula 1, Zak Brown, falou que os fãs motivaram a mudança, mas que ela será pontual. “Neste ponto, pretendemos apenas tê-la em Mônaco. Eu acho que se você vai ter uma pintura especial, você a mantém especial. É algo, como todos sabem, que não é feito com frequência na Fórmula 1”, explicou. 

Carro de F1 da McLaren visto 3/4 de cima
De acordo com o CEO da escuderia, Zak Brown, a pintura comemorativa deve estar presente apenas no GP de Mônaco Divulgação/McLaren

Vale lembrar que a empresa britânica voltou a firmar parceria com a Gulf Oil em 2020 após tentar um novo acordo com a Petrobras, sem sucesso. Com isso, o logo da petrolífera voltou aos macacões e aos carros de F1, mas de maneira tímida.

Com o novo contrato, as empresas reeditam sua famosa parceria que durou do final dos anos 60 até o meio da década de 70 na Fórmula 1, e na década de 90 com o F1 GTR. 

O 720S alcança os 100 km/h em apenas 2.9 segundos e pode chegar a 341 km/h. Seu motor é um V8 4.0 biturbo com 720 cv e 78.5 kgmf. Ainda não há notícia de quantos clientes terão a oportunidade de ter o carro customizado com as cores da Gulf Oil. 

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

Capa Quatro Rodas Abril
Arte/Quatro Rodas
Continua após a publicidade
Publicidade