Assine QUATRO RODAS por R$2,00/semana
Continua após publicidade

IPVA 2024 de São Paulo: confira datas, valores e como ter descontos

Calendário do IPVA 2024 de São Paulo começa em 11 de janeiro, mas o pagamento das parcelas pode se estender até maio

Por Rafael Sommadossi
Atualizado em 15 dez 2023, 13h12 - Publicado em 12 dez 2023, 00h01

O fim do ano também representa o início das preocupações financeiras com taxas e impostos. Uma dos primeiras é o pagamento do IPVA 2024, imposto sobre a propriedade de veículos automotores. No caso, este imposto é estadual e o calendário de pagamento e os valores variam entre cada um dos Detran. 

No caso do Estado de São Paulo, o imposto é de 4% a partir do valor da Tabela Fipe do veículo. Em casos de carros 0km, o valor de Tabela é substituído pelo percentual do valor da nota fiscal de compa.

A Sefaz-SP ainda não disponibilizou a tabela de valores venais de cada veículo, o que é essencial para o cálculo do IPVA 2024. Contudo, espera-se que o documento seja divulgado nos próximos dias. Para se preparar, o ideal é calcular o imposto sobre o valor de tabela corrente do veículo.

estacionamento
(Divulgação/Internet)

Qual é o desconto para o pagamento do IPVA SP?

Por outro lado, o calendário de pagamento do imposto, cujo vencimento varia de acordo com o final da placa, já foi publicado no Diário Oficial do Estado, juntamente com o percentual de desconto aplicável ao pagamento à vista.

Compartilhe essa matéria via:

Os proprietários têm a opção de quitar o imposto em parcela única durante o mês de janeiro, usufruindo de um desconto de 3%. Também, é possível realizar o pagamento integral em fevereiro, porém sem a aplicação de qualquer desconto. Por fim, há a possibilidade de parcelar o IPVA 2024 em até cinco vezes, distribuídas de janeiro a maio, conforme o último dígito da placa do veículo.

Algumas plataformas independentes permitem fazer o parcelamento do IPVA em até 12x, mas com juros.

Continua após a publicidade

Calendário do IPVA 2024 – São Paulo

Automóveis, Camionetas, Caminhonetes, Ônibus, Micro-ônibus, Motos e semelhantes
Mês janeiro fevereiro março abril maio
Parcela 1ª parcela ou à vista (3% de desconto) 2ª parcela ou à vista (sem desconto) 3ª Parcela 4ª Parcela 5ª Parcela
Final de Placa Vencimento
1 11/jan 11/fev 11/mar 11/abr 11/mai
2 12/jan 12/fev 12/mar 12/abr 12/mai
3 15/jan 15/fev 15/mar 15/abr 15/mai
4 16/jan 16/fev 16/mar 16/abr 16/mai
5 17/jan 17/fev 17/mar 17/abr 17/mai
6 18/jan 18/fev 18/mar 18/abr 18/mai
7 19/jan 19/fev 19/mar 19/abr 19/mai
8 22/jan 22/fev 22/mar 22/abr 22/mai
9 23/jan 23/fev 23/mar 23/abr 23/mai
0 24/jan 24/fev 24/mar 24/abr 24/mai

Como pagar o IPVA 2024

É possível fazer o pagamento do IPVA 2024 de São Paulo por meio do aplicativo dos principais bancos. Há seções específicas para isso, onde basta informar o número do Registro Nacional de Veículo Automotor (Renavam), uma vez que esse dado é essencial para o processo. Também é possível usar plataformas de pagamento especializadas, terminais de autoatendimento, agências bancárias e casas lotéricas.

geral
(Arquivo/Abril)

Também é possível pagar usando Pix. Basta acessar a página do IPVA no portal da Sefaz-SP, inserir os dados do veículo e gerar um QR Code, que será utilizado para efetuar o pagamento. O código Pix gerado é válido por 15 minutos. Caso expire, é necessário emitir um novo QR Code no site da Sefaz-SP.

Ao escanear o QR code utilizando o aplicativo bancário ou de instituição de pagamento, verifique se a informação de pagamento está destinada à “Secretaria da Fazenda e Planejamento”, identificada pelo CNPJ 46.377.222/0003-90, em conta do Banco do Brasil.

Continua após a publicidade

Qual a alíquota do IPVA de SP para cada veículo?

A alíquota do IPVA em São Paulo está prevista para permanecer inalterada, mantendo-se em 4% para todos os automóveis de passeio, independentemente do tipo de combustível utilizado – seja gasolina, eletricidade, flex ou qualquer outra forma.

Além disso, as picapes com cabine simples (capacidade de até 3 ocupantes), ônibus e motocicletas continuarão pagando alíquota de 2%. Conforme as normas estabelecidas, para caminhões, a alíquota do IPVA em 2024 será fixada em 1,5%. Por último, os proprietários de veículos destinados à locação estarão sujeitos a uma alíquota de 1% para o recolhimento do imposto.

Quem tem isenção do IPVA 2024

A isenção do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) no ano de 2024 é aplicável a determinadas categorias, conforme estabelecido pelas leis estaduais. Vale ressaltar que as isenções podem variar entre os Estados, sendo necessário atentar para as especificidades de cada região. Em São Paulo, as seguintes categorias têm isenção do imposto:

Continua após a publicidade

Pessoas com Deficiência (PCD)

Em São Paulo, a isenção do IPVA é oferecida para pessoas com deficiência física, visual, mental severa ou profunda, assim como para autistas. É fundamental que o veículo esteja devidamente adaptado às necessidades específicas do condutor. 

Táxis e Transporte Escolar:

Veículos utilizados como táxis ou usados como transporte escolar podem ter direito à isenção ou desconto no IPVA.

Continua após a publicidade

Veículos de Entidades Filantrópicas, Religiosas e por entidades e pessoas com direito a tratamento diplomático:

É concedida a isenção do IPVA para veículos de entidades filantrópicas e religiosas, e também para embaixadas e diplomatas. No entanto, essas organizações devem cumprir requisitos específicos estabelecidos pela legislação vigente.

Há limite para isenção! 

A uma pessoa física somente é possível conceder uma única isenção das acima listadas, ainda que as causas que ensejam as isenções sejam distintas. Assim, um proprietário de veículo isento por deficiência física não pode, ao mesmo tempo, possuir uma isenção em outro veículo táxi. Nesses casos o contribuinte deverá optar qual benefício deseja manter.

Continua após a publicidade

Casos onde não há limite para isenção: 

  • Veículos com mais de vinte anos de fabricação;
  • Máquinas utilizadas essencialmente para fins agrícolas;
  • Veículos ferroviários;
  • Máquinas de terraplanagem, empilhadeiras, guindastes e demais máquinas utilizadas na construção civil ou por estabelecimentos industriais ou comerciais para monte e desmonte de cargas.

Quem é dispensado de pagar o IPVA 2024

​A dispensa pode ser realizada automaticamente ou precisar ser solicitada. Na maioria das vezes, a dispensa é automática para casos de:

  • Furto ou roubo dentro do Estado de São Paulo quando há Boletim de ocorrência (BO) – A dispensa é dada a partir do mês do furto e roubo. Atenção! Esta situação não é aplicada nos casos de parcelamento no cartão. Se você está parcelando no cartão, pague até o fim as parcelas;
  • Furto ou roubo fora do Estado de São Paulo quando há BO no ano do evento. A dispensa é dada a partir do ano seguinte ao evento do furto ou roubo;
  • Baixa permanente quando o bloqueio foi feito no Detran/SP no ano do evento. A dispensa é dada a partir do ano seguinte ao evento;
  • Leilão do veículo como sucata quando registrado no Detran/SP. A dispensa é dada a partir do registro do leilão como sucata no Detran;
  • Estelionato quando há BO no ano do evento. A dispensa é dada a partir do ano seguinte ao evento.

O que acontece se não pagar o IPVA?

Como todo imposto não pago, o IPVA em atraso por mais de 90 dias pode fazer com que o proprietário tenha seu CPF ou CNPJ inscrito na dívida ativa do estado. O devedor será inscrito na Procuradoria Geral (PGE), a qual é responsável por gerar a Certidão de Dívida Ativa (CDA). Em outras palavras, o proprietário fica com o nome sujo e poderá ter bens penhorados para quitação da dívida.

Para regularizar sua situação com o Fisco em São Paulo é necessário quitar os débitos pendentes. Para pagar IPVA vencido e inscrito na dívida ativa, acesse www.dividaativa.pge.sp.gov.br.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Os automóveis estão mudando.
O tempo todo.

Acompanhe por QUATRO RODAS.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Quatro Rodas impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.