Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Ford EcoSport será produzido na Europa a partir de 2017

Atualmente, SUV vendido em vários países do continente é feito na Índia

Por Vitor Matsubara Atualizado em 23 nov 2016, 20h48 - Publicado em 23 mar 2016, 15h26
Ford EcoSport Titanium S
O Eco europeu sofreu várias alterações antes de estrear por lá

O EcoSport finalmente será fabricado na Europa. A Ford confirmou a decisão nesta quarta-feira, 23 de março, juntamente com o anúncio de um investimento de 200 milhões de euros para produzi-lo na planta de Craiova, na Romênia, a partir do segundo semestre de 2017. Atualmente, o modelo vendido em vários países do Velho Continente (exceto a Rússia) sai da planta de Chennai, na Índia.

Projetado no Brasil para ser vendido globalmente, o EcoSport foi lançado na Europa em 2014, após sofrer diversas melhorias de acabamento e comportamento dinâmico, além de ganhar motorizações mais modernas que as utilizadas por aqui. As alterações, no entanto, não foram suficientes para fazê-lo cair nas graças dos europeus, que o criticaram tanto pela qualidade de construção abaixo dos padrões locais quanto por outros detalhes, em especial o estepe pendurado do lado externo do veículo.

Diante das críticas, a Ford reagiu rápido e fez várias mudanças na linha 2015 do SUV, incluindo o fim do suporte externo do pneu sobressalente. Acabamento interno e isolamento acústico foram aprimorados e, no visual, o EcoSport ganhou novas rodas de liga leve.

“As vendas do EcoSport cresceram quase 30% neste ano e, considerando também a ascensão do segmento de SUVs compactos, acreditamos que este é o momento certo de transferir sua produção para a Europa, aproveitando a excelente mão-de-obra e infra-estrutura que temos na Craiova”, declarou Jim Farley, presidente e CEO da Ford da Europa.

Segundo dados fornecidos pela própria montadora, a categoria de SUVs cresceu 23% em 2015, mais do que o dobro dos 10% de crescimento obtidos por toda a indústria automotiva. No caso dos SUVs compactos, o aumento foi ainda maior: 44% no ano passado.

O EcoSport romeno sairá da linha de montagem já com a reestilização que será revelada no Brasil nos próximos meses. Além do utilitário esportivo, outro projeto brasileiro também deve ser produzido no complexo de Craiova: o novo Ka já teve sua comercialização confirmada no mercado europeu.

Continua após a publicidade

Publicidade