Ruídos no Mitsubishi Lancer

Excesso de ruídos em alternador e freios do modelo resultam em bateria sem carga e desgaste de pastilhas e discos

auto-defesa auto-defesa

auto-defesa (/)

Se já é irritante ter um problema constante no carro, imagine quando há dois de uma vez. Essa é a situação de donos de Mitsubishi Lancer que reclamam de excesso de ruídos nos freios e no alternador.

O analista de sistemas Luiz Miguel Pedroso, de São Paulo (SP), diz que já passou por isso algumas vezes com seu Lancer 2014. O barulho nos freios – estalos que ocorrem ao frear, especialmente em ruas irregulares – acabou revelando o desgaste excessivo de discos e pastilhas. “Precisei trocar o sistema original pelo kit da versão Ralliart. O alternador, que apresentava um barulho irritante toda manhã, também foi substituído mais tarde.”

Mas nem sempre a troca das peças resolve tudo, como explica Santo Vicentino, de Diadema (SP), dono de um Lancer Ralliart 2012. “Meu carro continua com um barulho insuportável ao frear. Até desisti de reclamar. Trocaram as pastilhas, retificaram os discos duas vezes e substituíram todo o sistema de freios outras duas. Além disso, o alternador apresenta um ruído forte e a luz da bateria acende no painel constantemente.”

Proprietários contam que, com o tempo, o barulho no alternador evolui para outra queixa: ele deixa de carregar a bateria. “Fiquei sem carga duas vezes. Precisei fazer a transferência de energia com cabo de chupeta para conseguir sair da garagem”, afirma o publicitário Plínio Figueiredo Castro, de Vitória da Conquista (BA).

Segundo um consultor de uma autorizada de Porto Alegre (RS), o problema no alternador é conhecido pela fábrica. “Esse ruído, parecendo peças soltas, manifestasse com o motor ainda frio. Quando detectamos, a troca é feita em garantia”, diz ele.

Consultada, a Mitsubishi diz que tem um canal (08007020404) no qual os clientes podem sanar dúvidas e fazer solicitações e sugestões. “Nas situações que necessitam de um diagnóstico técnico, as concessionárias são capacitadas para analisar o relato apresentado pelo cliente. Nos casos em questão, todos os apontamentos foram solucionados e explicados aos proprietários.”

O POVO RECLAMA

“Eu tive os dois defeitos. O empenamento nos discos me obrigou a fazer a retífica. Mas as pastilhas começaram a bater logo depois da troca dos freios. Também já pedi à concessionária uma análise do alternador por causa dos ruídos constantes.” – Rafael Gallan, ortodontista, Vitória da Conquista (BA), dono de um Lancer GT 2012

“Além do barulho nos freios, tive o problema do alternador, que não carrega a bateria. Tive de trocá-lo por outro de maior amperagem, tantas foram as vezes que fiquei sem carga.” – Anderson Gomes Drudi, administrador de empresas, São Paulo (SP), dono de um Lancer GT 2012

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s