Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Estreia de sucesso

Recém-lançados supreendem e desbancam a concorrência na chegada às concessionárias

Por André Paixão Atualizado em 22 abr 2021, 16h59 - Publicado em 13 fev 2014, 16h12

servicos servicos

Quando lançam um modelo, as marcas torcem para que a novidade cumpra sua expectativa para não decepcionar logo na estreia. Mas nada melhor para elas do que ver seu lançamento superando as previsões de venda logo na chegada às lojas, como está ocorrendo com alguns automóveis apresentados no final de 2013. O caso mais evidente é o VW Golf. Até setembro, o hatch tinha média mensal de vendas de menos de 900 carros.A estimativa da Volks era que o novo modelo fosse líder da categoria, o que na prática significava ficar acima das 1 850 unidades mensais médias do Ford Focus. Com a chegada da atual sétima geração, o Golf saltou para 2 047 carros em dezembro. E tudo isso sem a versão 1.4 manual, que chegou só em janeiro.

Renovado, o Nissan Sentra também ganhou visual mais atraente e mais equipamentos, o que deixou o japonês em melhores condições de brigar entre os sedãs médios. Hoje, ninguém oferece mais equipamentos por menos preço que ele. Enquanto a geração anterior comercializava em média 480 veículos, a atual disparou para 1 073 em dezembro passado. Mesmo se comparado com o volume do mesmo mês de 2012, portanto bem longe da renovação, o crescimento continua sendo expressivo: 534 automóveis, um aumento de 100%.

Outro sedã que está bem com o consumidor é o Citroën C4 Lounge, que estreou em setembro. Foram 931 unidades em dezembro passado, marca que o antecessor C4 Pallas esteve longe de atingir nos últimos dois anos. Em dezembro de 2011, somou 603 carros, enquanto em 2012 foram 237.

Também apresentado em setembro, o Mitsubishi Outlander viu suas vendas saltarem de 440 unidades em dezembro passado para 754 do mesmo mês de 2013. Assim, o SUV ficou na frente de rivais como Fiat Freemont, Chevrolet Captiva e Trailblazer e Volvo XC60. Quem também ganhou novos consumidores foi o Ford New Fiesta Sedan, apresentado em agosto. Em dezembro de 2012, ele teve só 972 unidades vendidas, mas em dezembro de 2013 ele disparou para 1502. Neste caso, além das mudanças visuais, o sedã passou a contar com novas versões e opção de câmbio automatizado.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue lendo, sem pisar no freio. Assine a QR.

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.


a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)

Impressa + Digital

Plano completo de QUATRO RODAS. Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

Receba mensalmente a QUATRO RODAS impressa mais acesso imediato às edições digitais no App QUATRO RODAS, para celular e tablet.

a partir de R$ 12,90/mês