Clique e assine por apenas 8,90/mês

Como uma mesma plataforma pode variar de tamanho?

Por Redação - Atualizado em 23 nov 2016, 20h30 - Publicado em 27 jan 2016, 18h44
Plataforma VW
Plataforma MQB: uma estrutura, várias medidas Divulgação/Volkswagen

Como veículos que usam a mesma plataforma podem variar tanto no tamanho? – Arthur Mascarenhas Meque, São Bernardo do campo (SP)

A plataforma de um automóvel não é uma solução engessada, imutável, como já foi no passado. Hoje, até a distância entre-eixos pode ser diferente em dois modelos que compartilham a mesma estrutura. A definição atual de plataforma muitas vezes não se limita apenas ao chassi monobloco. Trata-se de um conjunto de soluções mecânicas que envolvem também os pontos de fixação de vários outros conjuntos mecânicos, como powertrain (motor e câmbio), suspensões ou freios.

Um bom exemplo disso é a plataforma modular MQB (Modularer Querbaukasten, ou matriz transversal modular), do Grupo Volkswagen. Em cima dela, são produzidos dez modelos diferentes, que vão do Audi TT (4,16 metros de comprimento) ao VW CC (4,90 metros). No entanto, apesar de o entre-eixos ser alterável, há algumas medidas que não mudam, como a distância entre o eixo dianteiro e a ancoragem dos pedais. Essa variabilidade da plataforma permite uma grande redução de custos na escala de produção de uma linha de veículos, já que eles poderão compartilhar entre si vários componentes mecânicos.

 

Publicidade