Assine QUATRO RODAS por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Novembro foi melhor mês de vendas de carros nos EUA desde 2007

Vendas cresceram 8,9% nos Estados Unidos e atingiram 1,24 milhão de unidades

Por redação
Atualizado em 9 nov 2016, 12h54 - Publicado em 5 dez 2013, 11h28
recall

Novembro foi o melhor mês para as vendas de automóveis nos Estados Unidos desde fevereiro de 2007, com a maioria das montadoras relatando um forte crescimento graças aos descontos e à popularidade das grandes picapes. No mês passado, as vendas subiram 8,9%, atingindo 1,24 milhões de unidades, segundo dados da publicação Autonews.

A taxa anual de vendas com ajuste sazonal da indústria chegou a 16.410.000 veículos no mês passado, ante 15,3 milhões do ano anterior e superando as expectativas dos analistas para a taxa de 15,75 milhões.

Todas as montadoras dos EUA registraram crescimento de vendas, com a General Motors na liderança com 212.060 unidades (um aumento de 14%) . A marca GMC apresentou o maior ganho em 20% (35.727 unidades).

Continua após a publicidade

A Ford vendeu 189.705 veículos no mês passado, um aumento de 7% em relação a novembro de 2012, com a marca Lincoln registrando um aumento de 17%, para 6.727 unidades.

As entregas Chrysler subiram 16%, para 142.275 unidades, com a marca Ram demonstrando um aumento impressionante de 25% (31.225 unidades). A Fiat, no entanto, decepcionou com uma queda de 15%, registrando 3.075 unidades.

Foi um bom mês para as montadoras japonesas, com a Toyota registrando um aumento de vendas de 10%, somando 178.044 unidades. A vendas da Lexus subiram 13%, com 25.611 unidades. As vendas da Nissan aumentaram 11%, registrando 106.528 unidades, enquanto que a Honda estagnou em 116.507 unidades.

Continua após a publicidade

As coisas não foram tão boas para a Volkswagen, que viu a suas vendas registrarem uma queda de 8%, com 48.695 unidades, apesar do fato de que suas todas as suas marcas de luxo registraram ganhos (13% para a Audi, 51% para a Bentley, 5% para a Lamborghini e 3% para a Porsche). A Hyundai, por outro lado, registrou um aumento saudável de 7%, com 101.416 unidades vendidas.

Quanto aos fabricantes de automóveis de luxo, a Daimler subiu 14%, para 37.345 unidades (36.386 dos quais eram veículos Mercedes-Benz ), superando a rival BMW, que estagnou em 36.411 unidades. O resultado da BMW foi afetado por uma queda de 13% nas vendas da Mini, enquanto a marca BMW e a Rolls-Royce subiram 2% e 6%, respectivamente.

Finalmente, a Jaguar Land Rover teve um aumento de 37%, para 6.047 unidades, com a marca Jaguar registrando um aumento de 103%, para 1.446 unidades.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Os automóveis estão mudando.
O tempo todo.

Acompanhe por QUATRO RODAS.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Quatro Rodas impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.