Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Baile no chão batido

Por Redação 28 set 2010, 23h16

7433 km

Após três viagens com o Smart para o interior paulista, comecei a duvidar da vocação urbana do carrinho. Melhor seria dizer que ele é um ser metropolitano. Em cidades grandes, cortadas por avenidas – em que o asfalto recebe mais manutenção -, ele se sai muito bem, com sua agilidade e esperteza.

Nas cidades do interior, contudo, é mais comum encontrar ruas mal cuidadas ou rodar em caminhos de terra. E mesmo o chão mais batido vai ser uma provação para o Smart, com seu entre-eixos curto e os pneus de perfil baixo. Num breve passeio “rural”, na última viagem, não deu para ir além de 30 km/h.

Na estrada, por sua vez, em pista lisa, o carrinho fica muito à vontade, contrariando a impressão de todo mundo que vem “assuntar” sobre ele. Depois de tantos anos fazendo o mesmo percurso com os mais variados carros de Longa Duração, já deu para estabelecer alguns padrões de comportamento. Pequeno que é, o Smart obviamente é tirado para dançar pelos caminhões e ônibus das faixas vizinhas ou em caso de vento lateral muito forte. Puxando pela memória, contudo, dá para garantir: nessas condições, ele vai na mesma toada que o Fox ou a Montana, por exemplo. Mas na terra ele leva um baile. (Renato Bacci)

Consumo

No mês (44,8% na cidade): Gasolina – 10,5 km/l

Desde set/09 (42,6% na cidade): Gasolina 11,3 km/l

Continua após a publicidade

Publicidade