Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Novo Chevrolet Equinox 2022 já roda com pouco disfarce no Brasil

Prestes a lançar seu SUV médio revitalizado, Chevrolet começa a desfilar as duas versões que venderá no Brasil

Por Eduardo Passos Atualizado em 29 jul 2021, 01h31 - Publicado em 27 jul 2021, 18h17
Nova Chevrolet Equinox Premier 2022 flagrada no interior de São Paulo
Nova Chevrolet Equinox Premier 2022 flagrada no interior de São Paulo @bernardeslk/Quatro Rodas

Dizer que o novo Chevrolet Equinox 2022 chegará em breve ao nosso país está, a rigor, incorreto, pois o SUV médio roda em ruas e estradas brasileiras enquanto a fabricante prepara seu lançamento iminente.

Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 8,90

Os testes, claro, não passariam batidos, e a primeira unidade flagrada foi gentilmente cedida a QUATRO RODAS pelo leitor Lucas Bernardes (@bernardeslk), que se encontrou com uma dos exemplares do SUV médio já importadas pela Chevrolet e, rápido no clique, fez o registro.

Lançado nos Estados Unidos e Canadá, o utilitário em sua linha 2022 recebeu uma boa revitalização, que inclui facelift anunciado no início de 2020, novos equipamentos e mais tecnologia. Ao todo há quatro versões à venda no Hemisfério Norte.

Nova Chevrolet Equinox Premier 2022 flagrada no interior de São Paulo
Além dotopo-de-linha Premier (foto), também haverá o Equinox esportivado à venda @bernardeslk/Quatro Rodas

Uma dessas é a Premier, flagrada nas fotos e topo de linha. Entre os destaques do Chevrolet Equinox Premier 2022 há faróis full-led, projetores decorativos sob as portas e bancos com costura dupla. As novidades também incluem assistente de permanência em faixa, frenagem automática de emergência, controle de cruzeiro adaptativo e baliza automática, que fazem o modelo custar o equivalente a R$ 166.760 (tração dianteira) ou R$ 175.115 (tração integral) nos Estados Unidos.

  • Isso é mais caro até que a versão esportivada RS, cotada entre R$ 162.123 e R$ 170.412 e que também será vendida no Brasil. A performance é idêntica (o motor 1.5 não muda), com mudanças limitadas ao emblema da Chevrolet em preto, novo padrão da grade dianteira, decoração RS em diferentes partes do carro e costura em vermelho.

    Continua após a publicidade

    Revitalização parcial

    Mesmo por fora as mudanças do Equinox foram sutis, mas capazes de espantar o ar carregado de 2017 nas linhas que estrearam a terceira geração do modelo, há quatro anos. Por dentro não houve muita criatividade e, com exceção de detalhes cromáticos e botão de partida, tem-se a mesma cabine dos modelos antigos. A diferença acaba ficando por conta dos auxílios à direção e suporte sem fio ao Apple CarPlay e Android Auto.

    Revitalização do Equinox já foi revelada há um ano e meio, mas pandemia atrapalhou o calendário de vendas
    Revitalização do Equinox já foi revelada há um ano e meio, mas pandemia atrapalhou o calendário de vendas Divulgação/Chevrolet

    O motor 1.5 Ecotec com turbo e injeção direta, da mesma família do 1.4 turbo do Cruze, seguirá como única opção após a aposentadoria do 2.0 de 262 cv e 37 kgfm vindo do Camaro. Ainda não existe alternativa também ao câmbio automático de seis velocidades e ao uso de gasolina.

    2021 Chevrolet Equinox RS
    Mudanças na versão RS são estritamente estéticas Divulgação/Chevrolet

    Sem alma esportiva mas com pressa para entrar na rinha de SUVs médios, o Equinox 2022 faz parte da série de lançamentos da General Motors no Brasil até o fim do ano. Além dele, há o novo Bolt EV, a esportivada S10 Z71 e novidades na família Cruze.

    2021 Chevrolet Equinox RS
    Há novas tecnologias embarcadas, mas o painel mudou muito pouco Divulgação/Chevrolet

    Se cumprir seu cronograma, a montadora apresentará o Equinox na virada de julho para agosto, lançando-o em outubro. Com uma estratégia que envolve buscar lucro máximo com motores térmicos para financiar a eletrificação, a Chevrolet promete preços agressivos, aproveitando que, fabricado no México, o SUV goza de isenção fiscal.

    Para não repetir a derrota por nocaute para o Jeep Compass e ainda combater Volkswagen Taos e Toyota Corolla Cross, entre cada vez mais postulantes, as chances dos Equinox Premier e RS dependem diretamente de sua distância dos R$ 180.000.

    Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital

    Edição de julho
    A edição 747 de QUATRO RODAS já está nas bancas! Quatro Rodas/Quatro Rodas

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade