Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

VW Taos Comfortline: destrinchamos a versão básica do novo SUV médio

"Esquecida" pela Volkswagen, versão de R$ 154.990 do SUV tem mecânica igual, pouco menos de tecnologia e estilo sóbrio. Vale a economia?

Por Eduardo Passos Atualizado em 3 jun 2021, 16h25 - Publicado em 3 jun 2021, 16h17
Volkswagen Taos Comfortline Prata Pyrit Metálico (6)
Reprodução/Volkswagen

No último dia 27 a Volkswagen lançou seu novo SUV médio, pronto para brigar com Jeep Compass e Toyota Corolla Cross, entre outros SUVs médios vendidos no Brasil.

Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 8,90

Fabricado na Argentina, o VW Taos será importado inicialmente em duas versões, além de uma edição limitada de lançamento. Além disso, há possibilidades de que variantes off-road e esportiva do utilitário sejam vendidas em breve.

Volkswagen-Taos-Comfortline-Prata-Pyrit-Metalico
Reprodução/Volkswagen

Mesmo em duas versões, a Volkswagen deu extenso foco ao Taos mais caro, de modo que QUATRO RODAS fez o caminho inverso para destrinchar o que vem (e o que não vem) na versão Comfortline.

 

Volkswagen Taos
Volkswagen deu bastante atenção ao Taos Highline (foto). Mas e a versão básica do SUV? Divulgação/Volkswagen

O Volkswagen Taos Comfortline

O Taos Comfortline repete nomenclatura comum às versões de entrada da Volkswagen. O utilitário, neste nível, parte de R$ 154.990 e tem conjunto mecânico comum ao Taos Highline, de R$ 181.790. 

O motor é o conhecido 1.4 TSI (turbo com injeção direta) flex, de 150 cv e 25,5 kgfm. A fabricante declara tempo de 9,3 s para ir de 0 a 100 km/h. Completando, há transmissão automática de seis marchas e sempre tração dianteira.

Por fora as diferenças são principalmente estéticas, e só no Highline há o Bege Mojawe, que serve como cor de lançamento do carro (e pode ser combinado com teto preto) e o Azul Atlantic. O kit de lançamento do Taos também só pode ser acrescentado ao topo-de-linha, de modo que, nem pagando, proprietários do Comfortline podem adquirir rodas em preto, sistema de som Beats com oito alto-falantes e subwoofer e pintura em bicolor.

Continua após a publicidade

O Comfortline, por sua vez, está disponível apenas nas cores Cinza Indium, Prata Pyrit, Preto Mystic e Branco Puro.

Volkswagen Taos Comfortline Painel
Interior do Taos Comfortline é mais simples em aspectos como o cluster de instrumentos, cor dos frisos e textura dos pedais Reprodução/Volkswagen

Tecnologia também entra na conta, e só no Taos Highline a moderna iluminação IQ.Light é utilizada. Por mais que ambos os modelos compartilhem central multimídia idêntica, a VW Play, o quadro de instrumentos digital do Comfortline é menor, com apenas 8”, contra 10,25” do instalado no SUV de topo. Outras comodidades como retrovisores aquecíveis e teto solar também estão fora do alcance da versão básica.

Itens de série do Volkswagen Taos Comfortline:

  • Ar-condicionado “Climatronic” com duas zonas.
  • Assistente para partida em subida
  • Carregamento de celular por indução
  • Controle eletrônico de estabilidade (ESC) e de tração (ASR)
  • Faróis e DRLs em led, com sensores de luz e chuva
  • Painel de instrumentos digital de 8 polegadas
  • Sistema multimídia “VW Play” em tela de 10 polegadas com resolução de 1480 x 720
  • Câmera de ré
  • Volante multifuncional em couro com shift paddles
  • Seis airbags (dois frontais com desativação do passageiro, dois laterais nos bancos dianteiros, dois de cortina)
  • Seis alto-falantes
  • Alerta sonoro e visual de não-utilização dos cintos de segurança dianteiros e traseiros
  • Controle de desgaste das pastilhas de freio
  • Detector de fadiga
  • Descansa-braços central na frente com porta-objetos, saída traseira do ar-condicionado
  • Três entradas USB-C
  • Espelhos retrovisores externos eletricamente ajustáveis com função tilt down no lado direito
  • Freio de estacionamento eletromecânico
  • Indicador de controle de pressão dos pneus e sistema de frenagem automática pós-colisão
  • Regulagem do facho do farol
  • Rodas de liga leve de aro 18 com design autoral “Logomera”
  • Sistema Start-Stop com reaproveitamento da energia de frenagem
  • Tomada de 12 volts no porta-malas e no console central
  • Porta-luvas iluminado e refrigerado

Itens opcionais do Volkswagen Taos Comfortline:

“Mais barato” não é sinônimo de “barato”, mas nem por isso a Volkswagen deixa de cobrar por vários equipamentos do SUV. É o caso da pintura, na qual apenas uma cor é “grátis” enquanto as outras três são aplicadas mediante pagamento extra.

Volkswagen Taos Comfortline bancos de série
De série, Taos Comfortline vem com bancos de tecido Reprodução/Volkswagen

Curiosamente, a pintura sem custos adicionais é o perolizado em Preto Mystic. Já as metálicas Cinza Indium e Prata Pyrit custam R$ 1.410 cada, ao passo que a sólida Branco Puro sai por R$ 595.

Internamente não há muitas possibilidades de personalização. E, quando existem, vêm em pacotes que não são vendidos separadamente. Exemplo é o estofamento dos bancos: de série, o Taos Highline é equipado com bancos de tecido em dois tons. 

Volkswagen Taos Comfortline bancos de couro
Bancos de couro só vêm adquirindo todo o pacote Conforto Reprodução/Volkswagen

Caso deseje bancos de couro, é necessário adquirir todo o pacote Conforto, cotado em R$ 5.420 e composto por:

  • Revestimento parcial em couro Tropix com superfície perfurada para ventilação
  • Sistema de aquecimento dos bancos dianteiros
  • Ajuste elétrico de altura do banco do motorista
  • Ajuste manual de altura do banco do passageiros

Tal como o estofamento, todas as outras comodidades do pacote Conforto não são vendidas à parte. O mesmo vale para o pacote Segurança, que adiciona, por R$ 4.790, três equipamentos de segurança avançada:

  • Controle de cruzeiro adaptativo (ACC)
  • Frenagem autônoma de emergência (AEB)
  • Detector de pedestre

Ficha técnica do Volkswagen Taos Comfortline 250 TSI:

  • Preço-base: R$ 154.990
  • Opcionais: pintura sólida (R$ 595), pintura metálica (R$ 1.410), pacote Conforto (R$ 5.420), pacote Segurança (R$ 4.790).
  • Motor: flex, dianteiro, transversal, 4 cilindros, 16V, turbo, injeção direta, 1.395 cm³, 150 cv a 5.000 rpm, 25,5 kgfm a 1.500 rpm.
  • Câmbio: automático, 6 marchas, tração dianteira.
  • Velocidade máxima: 194 km/h.
  • 0 a 100 km/h: 9,3 s.
  • Direção: elétrica.
  • Suspensão: McPherson (dianteira) e multilink (traseira).
  • Freios: disco ventilado (dianteira), sólido (traseira).
  • Pneus: 215/55 R18.
  • Peso: 1.420 kg.
  • Carga útil máxima: 470 kg
  • Dimensões: comprimento, 446,1 cm; largura, 209,7 cm; altura, 163,6; entre-eixos, 268 cm; porta-malas, 498 l; tanque de combustível, 51 l.

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital

Capa Maio 2021
A edição 745 de QUATRO RODAS já está nas bancas! Arte/Quatro Rodas
Continua após a publicidade
Publicidade