Vendas do Cruze Sport6 começam em dezembro a partir de R$ 89.990

Hatch médio tem teto solar na versão LTZ, mas ficará um pouco mais caro que o sedã

Chevrolet Cruze Sport6 Chevrolet Cruze Sport6

Chevrolet Cruze Sport6 (/)

Apesar da carroceria ser 21 cm menor que o irmão de três volumes, o Chevrolet Cruze Sport6 (também conhecido como Cruze Hatch) custará o mesmo que o sedã. Mas esta máxima vale apenas para a versão LT, que parte dos R$ 89.990: as versões LTZ do hatch são mais caras que as equivalentes do sedã.

Enquanto o Cruze Sedan LTZ custa R$ 99.890, hatch nesta mesma configuração custa R$ 101.190, uma diferença de R$ 1.300 que é justificada pelo teto solar de série. A versão LTZ 2 (com pacote adicional de equipamentos) do hatch custa R$ 110.190, enquanto o sedã sai por R$ 109.790.

Nesta nova geração o Cruze hatch faz jus ao sobrenome “Sport6” por não ser mero Cruze com traseira mais curta e lanternas exclusivas. A dianteira tem personalidade própria, com o mesmo para-choque da versão RS vendida nos Estados Unidos, com luzes de neblina retangulares envolvidos por detalhes cromados. Os faróis também são próprios, com máscara negra.

Chevrolet Cruze Sport6 Chevrolet Cruze Sport6

Chevrolet Cruze Sport6 (/)

Mecanicamente, porém, o Cruze hatch é igual ao sedã – e isso é bom. Ele usa o mesmo 1.4 turbo de 153 cv e 24,5 mkgf abastecido com etanol, sempre com transmissão automática de seis marchas com opção de trocas sequenciais. Já o ajuste de suspensão e dirigibilidade são um pouco mais esportivos que o do três volumes.

 

Com valores entre R$ 89.990 e R$ 110.190, o Cruze irá concorrer com uma ampla gama de versões do VW Golf e Ford Focus, principalmente nas configurações equipadas com o motor 1.4 TSI (no caso do VW) e 2.0 (no caso do Ford). 

O Focus SE Plus 2.0 AT custa R$ 94.440, enquanto a top de linha Titanium Plus 2.0 AT sai por R$ 109.400 (há também a SE Plus 1.6 MT, menos potente, por R$ 85.400 e a Titanum 2.0 AT por R$ 103.400). 

Já o Golf com motor 1.4 TSI (configuração mecânica mais próxima do 1.4 Turbo da GM) começa em altos R$ 100.346 com câmbio manual, e chega a R$ 105.870 com câmbio automático, sempre na versão Highline. Abaixo dele, há as versões Comfortline com motor 1.6 MSI (a partir de R$ 73.130) e 1.0 TSI (a partir de R$ 74.990).  

A Chevrolet inicia a pré-venda do novo Cruze Sport6 agora, mas as primeiras entregas acontecerão apenas em dezembro. Você confere nossas primeiras Impressões ao Dirigir com o Cruze Sport6 na QUATRO RODAS de novembro, já nas bancas!  

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Pedro Mueller

    Super GM com super motor mas que toma pau do TSI e do THP. Velha GM de sempre… Talvez um monza fosse melhor.