Renegade faz Jeep ampliar rede para 120 lojas

Marca espera chegar a 200 pontos até o fim do ano

mercado mercado

mercado (/)

A Jeep revelou nesta quarta-feira, 18 de março, detalhes de seu planejamento estratégico para a chegada do Renegade. A empresa ampliou sua rede de concessionárias dos antigos 45 pontos de venda para os atuais 120 em praticamente um trimestre, pretendendo chegar a 200 lojas até o final deste ano. Por enquanto, das 120 concessionárias funcionando atualmente, 73 venderão apenas veículos Jeep, sendo o Brasil o primeiro (e até agora único) país do mundo a adotar este modelo. Nem o momento crítico da economia brasileira – e consequentemente da indústria automotiva nacional – parece abalar o otimismo do grupo FCA.

“Estamos nos preparando para ter um ano absolutamente histórico em toda a América Latina”, disse Sérgio Ferreira, diretor-geral do grupo Chrysler no país e diretor da Jeep para a América Latina. Segundo a empresa, foram investidos R$ 240 milhões na ampliação da rede, ou R$ 2 milhões por ponto de venda, gerando 20 empregos diretos por concessionária e 1.500 novos postos de trabalho em toda a rede.

A marca também afirmou que os primeiros lotes de peças de reposição começam a ser entregues às revendas ainda nesta semana, abastecendo-as com componentes suficientes para atender os três primeiros meses de comercialização plena do Renegade. Os outros modelos da Jeep também devem se beneficiar do “efeito novidade” do SUV compacto, trazendo novos clientes para a marca, que espera vender 5 mil unidades dos modelos Compass, Cherokee, Grand Cherokee e Wrangler – no ano passado foram comercializados pouco mais de 3 mil veículos.

Com o início das vendas marcado para 10 de abril, o Renegade é a grande aposta da FCA, a ponto de a empresa estimar que as vendas do modelo respondam por 1/3 do crescimento global da Jeep em 2015. O veículo será oferecido em três versões de acabamento (Sport, Longitude e Trailhawk), duas opções de motor (1.8 flex e 2.0 turbodiesel) e três tipos de transmissão (manual de cinco marchas e automática de seis ou nove marchas, de acordo com a motorização) desde o primeiro dia de vendas. Todas as unidades saem da nova fábrica da empresa, em Goiana (PE), a primeira planta construída fora dos Estados Unidos e a mais moderna da Jeep no mundo.

A fábrica, aliás, inaugura o planejamento de expansão global da montadora, que pretende ter oito fábricas espalhadas pelo planeta até 2018. Segundo a Jeep, o Renegade será o “primeiro de vários modelos” produzidos em Goiana.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s