Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Palio Fire, Siena EL, Punto e Bravo BlackMotion estariam saindo de linha; Fiat nega

Informação veio da rede de concessionárias. Oficialmente, montadora desmente as aposentadorias

Por Diego Dias Atualizado em 23 nov 2016, 21h02 - Publicado em 11 Maio 2016, 12h09
Palio Fire
Palio Fire

Uma fonte ligada à rede de concessionárias da Fiat afirma que os modelos Palio Fire, Siena EL e as versões Blackmotion de Punto e Bravo estão tendo a fabricação descontinuada.

A reportagem de QUATRO RODAS entrou em contato com a Fiat e, oficialmente, a fabricante desmente a informação. No entanto, o boato pode ter fundamento se fizermos uma breve análise de mercado. Lançado há quase um mês, o Fiat Mobi substitui oficialmente o Uno Vivace, mas pode também dar um fim ao veterano Palio Fire (hoje vendido a partir de R$ 29.160, enquanto o novo Mobi sai por R$ 31.900). 

Siena EL
Siena EL

O encerramento da produção do Siena EL também pode ter vínculo com a saída do Palio Fire, pois ambos são feitos na mesma – e antiga – plataforma 178, da primeira geração do Palio (1996). Além disso, a Fiat afirma que fará um investimento de US$ 500 milhões para fazer um novo sedã na Argentina que, de uma só vez, substituirá o Grand Siena e Linea.

LEIA MAIS:

>> Fiat investirá US$ 500 milhões em novo sedã para substituir Linea e Grand Siena

Continua após a publicidade

>> Quem são os concorrentes do Mobi na faixa mais acessível do mercado?

>> Os carros que não veremos mais em 2016

Já a possível aposentadoria das versões Blackmotion para o Punto e Bravo não deve causar maiores reações no mercado. Caracterizada por oferecer um bom pacote de equipamentos a preços mais baixos que as versões inferiores equipadas com os mesmos opcionais, a Blackmotion recentemente foi estendida ao sedã Linea.

Bravo Blackmotion
Bravo Blackmotion

Punto Blackmotion
Punto Blackmotion

No caso do Bravo, as vendas continuam baixas – o hatch não aparece na última listagem da Fenabrave, o que indica que ficou atrás até mesmo do Peugeot 308, com 897 unidades acumuladas entre janeiro e abril de 2016. O Punto, por outro lado, vendeu 3.841 unidades no acumulado até abril, números na média do segmento composto por Ford New Fiesta (5.335), Citroën C3 (3.932) e Peugeot 208 (3.182).

Continua após a publicidade
Publicidade