Os incríveis comandos por gestos do novo BMW série 7

Sexta geração do sedã traz uma série de inovações que serão vistas nos carros da marca nos próximos anos

tecnologia tecnologia

tecnologia (/)

Como já manda a tradição, o novo BMW série 7 antecipa uma série de inovações tecnológicas que poderão ser vistas nos outros modelos da marca ao longo dos próximos anos. A sexta geração do carro-chefe dos bávaros poderia muito bem ser apresentado na CES (Consumer Electronics Show), tamanha a quantidade de gadgets.

Começa pela chave, chamada de display key. Ela possui um visor touchscreen de onde é possível controlar funções do carro como climatização, iluminação, checar a autonomia de combustível e até estacioná-lo em linha reta de maneira autônoma, com o motorista do lado de fora.

p90195525.jpeg p90195525.jpeg

p90195525.jpeg (/)

Há também o emparelhamento do celular por NFC (é só encostar o telefone no painel), um tablet Samsung para comandar todas as funções de conforto do banco de trás e até uma opção para liberar perfume no interior.

Outra novidade bem interessante são os comandos por gestos. Como toda nova tecnologia, ainda há limitações (a área onde o sistema reconhece os gestos é pequena, e o número de funções baixo), mas a sensação de executar os comandos ficou mais natural. São cinco funções básicas:

1) Controle do volume: gire o dedo no sentido horário pra aumentar o volume e no sentido contrário pra abaixá-lo.

2) Recusar ligações: com o telefone emparelhado na central multimídia, você move a mão inteira para o lado e o sistema recusa a ligação.

3) Aceitar ligações: use o indicador como se estivesse apertando um botão imaginário para atender o telefone.

4) Visão 360: gire o carro da tela juntando o polegar e o indicador. Muito útil em manobras – como quando você precisa ver a guia ao estacionar numa curva.

5) Dois dedos: é um movimento com função configurável. Você pode, por exemplo, determinar que ele acione o sistema de navegação para levar o carro a um ponto pré-definido (sua casa ou trabalho, por exemplo). No vídeo, determinamos que os dois dedos teriam função de passar a música para a próxima faixa.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s