Clique e assine por apenas 8,90/mês

Nova Fiat Strada 1.3 é mais fraca, mas bem mais econômica que a velha 1.8

Comparamos a nova versão da picapinha, equipada com motor do Fiat Argo, com a Strada Adventure que usa o propulsor 1.8 E-torq, veja o resultado

Por Daniel Telles - Atualizado em 17 abr 2020, 11h11 - Publicado em 17 abr 2020, 07h00
Nova Fiat Strada Volcano deverá custar na faixa dos R$ 85.000 Fernando Pires/Quatro Rodas

Depois de 22 anos bem sucedidos, a Fiat Strada vai mudar de geração.

A nova picapinha chega às concessionárias em julho (se a pandemia de Covid-19 permitir) para substituir quase toda linha atual, com exceção da versão de entrada Hard Working, que terá mais um tempo de vida.

Entretanto, a atual versão topo de linha Adventure com seu motor 1.8 E-torq de 132 cv e capacidade para transportar até quatro passageiros sairá de linha.

Entre-eixos da Strada Adventure é 1,6 cm maior que na nova geração Acervo/Quatro Rodas

Em seu lugar chegará a nova versão Volcano, com quatro portas e homologada para cinco passageiros, algo inédito no segmento.

O motor também muda. A nova Strada de topo será empurrada pelo propulsor 1.3 Firefly de 109 cv e 14,2 kgfm, o mesmo do hatch Fiat Argo.

Versão Volcano tem faróis de led de série Fernando Pires/Quatro Rodas

Mesmo oferecendo 23 cv a menos de potência, o novo motor é mais moderno e o motorista poderá perceber isso no consumo.

Em nossos testes, a nova Strada fez 12,9 km/l na cidade e excelentes 17 km/l na estrada, enquanto a antiga registrou consumo de 9,1 km/l no uso urbano e 11,8 km/l no rodoviário, sempre com gasolina. As diferenças são de 37% e 44%, respectivamente.

Continua após a publicidade

Mas é claro que a perda de potência se fez sentir nas acelerações e retomadas: enquanto a 1.3 vai de 0 a 100 km/h em 13,1 s, a velha Adventure 1.8 o faz em 12,3 s.

Nova central com Android Auto e Apple CarPlay sem fio deve equipar toda a nova linha Fiat Fernando Pires/Quatro Rodas

No interior, a central multimídia Mopar da Adventure também será aposentada.

Em seu lugar, vem a nova central R1 com tela de 7 polegadas e compatível com Android Auto e Apple CarPlay sem a necessidade de cabos, algo inédito para carros fabricados no Brasil.

Para ilustrar as diferenças das duas versões topo de linha, QUATRO RODAS decidiu colocar a limpo os atributos da Fiat Strada Adventure e da nova Fiat Strada Volcano.

Fiat Strada Adventure x VW Saveiro Cross
Picape não terá mais o estilo aventureiro Marco de Bari/Quatro Rodas

Com plataforma nova e homologada para levar mais passageiros, a nova Fiat Strada tem entre-eixos 1,8 cm maior do que a antiga versão Adventure, 2,737 vs 2,719 m. Já a capacidade de carga é a mesma nas duas versões: 650 kg.

Confira na tabela as diferenças de motor, câmbio, consumo e dimensões entre as duas gerações da Fiat Strada.

Modelo Motorização Câmbio Potência e Torque (etanol/gasolina) Consumo (gasolina) Tempo 0-100 km/h Dimensões (comprimento, largura e altura) Entre-eixos Capacidade de carga Tanque de gasolina
Fiat Strada Adventure  1.8 E-torq Manual de 5 marchas 132/130 cv e 18,9/18,4 kgfm 9,1 km/l (cidade) e 11,8 km/l (estrada) 12,34 s 447,1 x 174 x 164,8 cm  271,9 cm  650 kg 58 l
Nova Fiat Strada Volcano 1.3 Firefly Manual de 5 marchas 109/101 cv e 14,2/13,7 kgfm 12,9 km/l (cidade) e 17 km/l (estrada) 13,1 s 448 x 173,2 x 159,5 cm 273,7 cm 650 kg 55 l

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da edição de abril da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

Continua após a publicidade
Publicidade