Clique e assine por apenas 8,90/mês

Mazda amplia produção de olho na América do Sul

Planta mexicana fabricará até 230 mil carros por ano

Por Vitor Matsubara - Atualizado em 9 nov 2016, 12h12 - Publicado em 4 jan 2013, 17h20
fabricantes

A Mazda ainda não concluiu as obras de sua fábrica em Salamanca, no México, mas já anunciou um aumento na capacidade produtiva da planta, que ficará pronta em 2014. A montadora pretende passar de 140 mil unidades para 230 mil anuais até março de 2016. O intuito desta alteração é ampliar o fornecimento de veículos para países da América do Sul, podendo incluir até o Brasil.

Além de produzir os Mazda2 e Mazda3, a planta mexicana também fabricará 50 mil unidades de um modelo da Toyota, que serão entregues a partir da metade de 2015. “Este aumento em nossa capacidade produtiva faz parte da estratégia da Mazda para fortalecer sua produção para outros mercados, baseados em nosso planejamento traçado a médio e longo prazo”, declarou o presidente da Mazda, Takashi Yamanouchi.

A montadora japonesa pretendia voltar ao Brasil em 2013, após mais de uma década afastada do país, mas o novo IPI, que afetou diretamente as importadoras, acabou mudando os planos da empresa. Em julho, a Mazda havia afirmado que não importaria veículos produzidos no México para o mercado brasileiro, alegando que os modelos não teriam preços competitivos por aqui. Diante destes fatos, a montadora estaria estudando produzir seus veículos por aqui, mas ainda não há definições a respeito da fabricação de automóveis no país.

Publicidade