Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Ferrari se nega a vender LaFerrari Aperta para colecionador

Famoso nas redes sociais, David Lee já havia sido impedido pela própria marca de adquirir uma LaFerrari

Por Vitor Matsubara Atualizado em 27 jun 2017, 16h36 - Publicado em 27 jun 2017, 16h35
Versão sem teto da LaFerrari tem os mesmos 963 cv do modelo cupê divulgação/Ferrari

Não é exagero quando diz-se que a Ferrari escolhe seus clientes. Prova disso é que a marca italiana se recusou a vender uma LaFerrari Aperta a um de seus compradores mais fiéis.

O cliente em questão é David Lee. Dono de uma joalheria e de um grupo de investimentos, o empresário adora exibir seus bólidos no Instagram. Sua coleção é composta por modelos recentes da marca e alguns raros, como 288 GTO, F40, F50 e Enzo.

Há espaço até para uma 250 Lusso Competizione 1964 e um carro de Fórmula 1 guiado por Michael Schumacher.

Recentemente, Lee adquiriu uma F12tdf e encomendou outros quatro veículos só para tentar ser convidado a comprar uma LaFerrari Aperta – sim, apenas clientes autorizados pela própria marca podem adquirir o superesportivo.

Empresário do ramo de joalherias, Lee tem vários superesportivos reprodução/LA Times/Internet
Continua após a publicidade

No entanto, o fato de ele ser um comprador ávido da marca não sensibilizou a Ferrari. Segundo informações informais, a empresa não seria muito receptiva à “ostentação online” que Lee promove de seus carros nas redes sociais.

“A fábrica não gosta da publicidade criada por ele. Eles odeiam qualquer tipo de barulho gerado em torno da marca, e é justamente isso que ele ama fazer”, afirmou uma fonte ligada à empresa ao jornal Los Angeles Times.

Lee divulgou uma declaração em sua defesa. Disse ele: “Meu amor e empolgação por compartilhar minha coleção especial com meus seguidores é algo benéfico para o futuro da marca. Não posso fazer nada se os funcionários da Ferrari acham que isso não passa de auto-promoção”.

Este é o segundo “não” que Lee recebe da Ferrari. Anteriormente, o ricaço teimoso já havia tentado comprar uma LaFerrari cupê e não conseguiu. A saída foi adquirir um exemplar de outro colecionador que ainda nem havia recebido seu veículo.

Parece que ele precisará fazer a mesma coisa se quiser ter uma LaFerrari Aperta na garagem…

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue lendo, sem pisar no freio. Assine a QR.

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.


a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)

Impressa + Digital

Plano completo de QUATRO RODAS. Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

Receba mensalmente a QUATRO RODAS impressa mais acesso imediato às edições digitais no App QUATRO RODAS, para celular e tablet.

a partir de R$ 12,90/mês