Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Ferrari investirá na personalização de seus carros

Clientes gastam até 50 mil euros na customização

Por Vitor Matsubara Atualizado em 9 nov 2016, 12h24 - Publicado em 8 Maio 2013, 19h54
fabricantes

A Ferrari tem a intenção de elevar o nível de exclusividade de seus veículos. Em entrevista concedida à agência de notícias Automotive News, o presidente da empresa, Luca di Montezemolo, afirmou que pretende oferecer novas possibilidades de customização, mesmo elevando o número de veículos vendidos nos próximos anos.

Conforme di Montezemolo revelou, atualmente um cliente gasta em média 25 mil euros na instalação de opcionais, podendo investir até 50 mil euros a mais quando aderem ao programa de customização oferecido pela marca.

O executivo também revelou que não há pressa alguma para renovar o design de seus produtos atuais. O modelo mais velho em linha é a California, lançada em 2008 e reestilizada em 2011. Segundo a empresa, um modelo tem um ciclo de vida médio de entre sete e oito anos em linha no mercado.

Entre os outros planos da Ferrari, há a possibilidade de inauguração de uma loja nos Estados Unidos voltada exclusivamente para o reparo de veículos clássicos. Enquanto isso não acontece, a empresa de Maranello continua recebendo encomendas especiais no departamento de projetos especiais. De acordo com di Montezemolo, “cerca de dez veículos” já foram fabricados, incluindo a exclusivíssima SP12 EC (na foto de abertura deste texto), feito à pedido do guitarrista Eric Clapton.

Continua após a publicidade

Publicidade