Clique e assine por apenas 8,90/mês

Correio Técnico: por que carros 4×4 desligam o ESP ao acionar a reduzida?

Controle eletrônico deixa de funcionar quando a reduzida é acionada em alguns modelos; saiba porque

Por Rodrigo Ribeiro - Atualizado em 10 fev 2020, 08h00 - Publicado em 10 fev 2020, 07h00
Nos modelos da FCA, a reduzida desliga o ESP Christian Castanho/Quatro Rodas

Por que modelos com tração 4×4 desligam o ESP quando a reduzida é acionada? – Larissa Camargo – Porto Alegre (RS)

Porque nessas situações o controle de estabilidade (chamado de ESP ou ESC) pode mais atrapalhar do que ajudar.

A reduzida multiplica a força de todas as marchas do carro (ou usa uma primeira marcha curtíssima, como no Renegade), e é acionada com o veículo parado.

Nessas situações, é possível que os pneus estejam cobertos de lama e precisem girar em falso – o que seria inibido pelo controle de tração.

A alta velocidade das rodas faz com que a lama grudada entre os gomos seja expulsa por conta da força centrífuga, permitindo que o veículo retome a tração.

Passado o desafio em baixa velocidade, esses modelos reativam o ESP tão logo a reduzida seja desligada.

Continua após a publicidade
Publicidade