Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Caso GM: número de mortes relativas a falha chega a 29

Montadora já recebeu 1.517 processos relativos a problema de ignição

Por Rodrigo Furlan Atualizado em 9 nov 2016, 14h07 - Publicado em 20 out 2014, 18h55
seguranca

A General Motors refez mais uma vez sua estimativa de mortes ligadas ao já conhecido problema de ignição identificado em milhões de carros produzidos pela montadora norte-americana. Agora, em vez de 27, o número considerado pela companhia é de 29 óbitos.

Do mesmo modo, o número de processos relativos ao caso, movido por pessoas que se feriram ou por familiares de pessoas alegadamente mortas em decorrência da falha, também subiu: agora são 1.517 ações.

Vale lembrar que, de acordo com a companhia, a indenização mínima em caso de acidentes fatais é de US$ 1 milhão, adicionando US$ 300 mil para cada beneficiário (cônjuge, filhos).

(Foto: Getty Images)

Continua após a publicidade
Publicidade