Segredo: novo BMW Série 1 Sedan poderá ser feito no Brasil

Apresentado como modelo exclusivo para o mercado chinês, o compacto Série 1 Sedan poderá ser produzido em Araquari (SC)

Projeto foi desenvolvido em parceria com a chinesa Brilliance

Projeto foi desenvolvido em parceria com a chinesa Brilliance (Marco de Bari/Quatro Rodas)

A BMW estuda a possibilidade de fabricar o sedã da Série 1 no Brasil. Por enquanto, o modelo será exclusivo do mercado chinês. Mas a notícia foi recebida pela imprensa internacional como um posicionamento provisório, uma vez que as marcas rivais já possuem opções no mesmo segmento, em outros países.

A Mercedes-Benz tem o CLA, e a Audi, o A3. A favor da produção do Série1 no Brasil, existe o fato de que ele entraria em uma faixa de preço disputada pelas marcas generalistas com versões topo de linha – como a Honda com Civic 1.5 Touring – e também pelas grifes de prestígio – como a Audi, com o A3 produzido na fábrica da Volkswagen em São José dos Pinhais (PR).

O Série 1 Sedan foi desenvolvido na China pela BBA, empresa que resultou da parceria da BMW com a marca local Brilliance Auto. Ele não emprega a plataforma do Série 1 hatch, e sim a chamada UKL, feita para modelos compactos do grupo BMW (utilizada nos Mini, BMW Série 2 e X1).

Lanternas traseiras seguem o estilo do Série 3; versão 125i tem duas ponteiras de escape

Lanternas traseiras seguem o estilo do Série 3; versão 125i tem duas ponteiras de escape

Por causa disso, seu motor é montado na transversal, e a tração é dianteira – o que pode desagradar aos puristas que valorizam a tração traseira do restante da linha.

Na versão de entrada 118i, o motor é um 1.5 turbo de três cilindros, com 136 cv e 22,4 mkgf, com câmbio automático de seis velocidades, capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 9,4 segundos e com consumo médio de impressionantes 18,1 km/l.

A intermediária 120i traz um 2.0 de quatro cilindros com 192 cv e 28,5 mkgf e câmbio automático de oito marchas (de 0 a 100 km/h em 7,5 segundos, com consumo médio de 16,6 km/l. Por fim, a top de linha 125i oferece o mesmo 2.0, mas calibrado para produzir 231 cv e 35,7 mkgf (de 0 a 100 km/h em 6,8 s, com consumo médio de 15,6 km/l.

Medidas são bem parecidas com as do Audi A3 Sedan

Medidas são bem parecidas com as do Audi A3 Sedan

O porte (4,46 m de comprimento, 2,67 m de entre-eixos e 1,80 m de largura) é o de um A3 Sedan, e suas linhas são perfeitamente identificadas com os outros sedãs BMW.

Visto de lado, ele parece um mini Série 3. Mas a dianteira tem um estilo característico, com aspecto esportivo, notadamente na parte inferior do para-choque. A tradicional grade dupla deve ter aletas ativas, que se abrem ou fecham de acordo com a velocidade do veículo.

Cabine é quase a mesma do Série 1 hatch, ao contrário da plataforma

Cabine é quase a mesma do Série 1 hatch, ao contrário da plataforma

Espaço no banco traseiro parece amplo, com saídas de ar-condicionado dedicadas

Espaço no banco traseiro parece amplo, com saídas de ar-condicionado dedicadas

Por dentro, ele fica muito próximo ao Série 1 hatch, com o qual compartilha a maioria dos componentes – tomadas de ar, mostradores, volante e central multimídia. Tomando o rival A3 como referência, o Série 1 Sedan teria preços entre cerca de R$ 100.000 e R$ 150.000.

Oficialmente, a BMW do Brasil nega que tenha planos para a produção e comercialização do modelo no Brasil.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s