Melhor Compra Moto 2015 – Street de 751 a 1000 cm³

yamaha mt-09-2 yamaha mt-09-2

yamaha mt-09-2 (/)

1° YAMAHA MT-09 – R$ 35.990

A MT-09 repete alguns dos atributos da irmã menor MT-07: é um projeto novo e moderno e nasceu para ser um ícone de novos tempos da empresa. Mas vai muito além. Não só porque é maior, mais forte, mais sedutora e mais bonita, mas porque é equipada com um motor tricilíndrico inédito na Yamaha. Simboliza mais uma mudança na filosofia da marca e ainda é um produto impactante e comercialmente viável. Ele rende 115 cv e 8,9 kgfm. Não é o mais potente ou o mais forte do segmento, mas o conjunto é incrivelmente eficiente: há força surpreendente mesmo em baixo giro, o que dá à moto performance divertida e prazerosa – MT significa Master of Torque. Apesar de o virabrequim ser o criticado crossplane (pistões trabalhando com intervalos irregulares) usado na superesportiva YZF R1, na MT-09 foi bem-recebido. O desenho segue a MT-07: é invocado sem ser sinistro, detalhado sem ser complicado e de bom gosto. Mas o que fez a diferença mesmo foi o bolso: preço menor, seguro baixo e peças muito, muito baratas.

2° KAWASAKI Z800 – R$ 38.990

KAWASAKI Z800 KAWASAKI Z800

KAWASAKI Z800 (/)

A Z800 custa (de início) R$ 35 990. Mas esse é o preço sem ABS, e aqui comparamos as três com o sistema, já que os modelos da Yamaha e da Honda só são vendidos com ele. Aí o preço da Kawa sobe e distancia-se significativamente do da MT-09. No custo-benefício absoluto, a MT-09 leva a melhor, mas é preciso ressaltar que o desenho da Z800 é, inegavelmente, muito mais sedutor. Porém, se botarmos na conta o valor da cesta de peças e seguro, a MT-09 distancia-se novamente no alto do pódio.

3° HONDA CB 1000R – R$ 45.006

HONDA CB 1000R HONDA CB 1000R

HONDA CB 1000R (/)

É uma típica Honda de alta cilindrada: eficiente, gostosa de pilotar, equilibradíssima e muito segura. É o tipo de moto que anda forte, mas nunca dá sustos no piloto. Ótima posição de pilotagem, banco confortável e o motor quatro-em-linha de 125 cv a 10 000 rpm e 10 kgfm a 7 750 rpm. Outro atrativo é a roda traseira em balança monobraço – além do charme, facilita manutenção e troca de pneu. Mas tudo isso não foi suficiente: desenho menos atual, preço alto e peças caras pesaram mais.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s