Assine QUATRO RODAS por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Quais são os principais tipos de motores usados em carros elétricos?

Conceitos do século XIX são a base dos motores elétricos automotivos, dos quais separamos os principais tipos usados nos carros

Por Eduardo Passos
28 out 2021, 10h12
Compact enough to fit in a sports bag – the electric drive for Volkswagen’s ID.3.
Motor do Volkswagen ID.3 cabe em uma mochila e, do tipo PMSM, excede 200 cv (Divulgação/Volkswagen)

As principais diferenças entre motores elétricos têm a ver com corrente (alternada ou contínua) e ímãs utilizados, mas o conceito é comum a todos: um campo magnético criado pela eletricidade no estator gira o rotor e, consequentemente, as rodas.

Assine Quatro Rodas a partir de R$ 12,90

Um dos tipos mais simples é o motor assíncrono de indução (IM), pensado por Nikola Tesla no século XIX. Grosso modo, é como um gira-gira infantil: as mãos que empurram o brinquedo seriam as três fases de corrente alternada. Elas criam um campo magnético pelas bobinas de cobre no estator, movimentando o rotor e, através de um diferencial aberto, as rodas.

Esse impulso precisa ser mais rápido que o rotor, caso contrário não haveria acréscimo de movimento. É por isso que esses motores são assíncronos: a frequência da corrente e do rotor não são sincronizadas, dificultando um controle preciso do veículo.

Continua após a publicidade

Ponto para motores síncronos como os BLDC (Brushless Direct Current), que têm ímãs permanentes na superfície ou no interior do rotor. Ao invés de empurrá-lo com o campo magnético, a eletricidade se alterna pelas bobinas, atraindo os ímãs nessa “ciranda”.

Esse arranjo garante o famoso torque constante, dispensando o uso de múltiplas marchas nos EVs. Ainda mais eficaz é o motor PMS (Permanent Magnet Synchronous), de corrente alternada. Ele é quase igual ao BLDC, mas alterações no enrolamento e no formato das peças permitem um funcionamento sincronizado com a corrente alternada. Do Porsche Taycan ao Renault Zoe, o PMS tem ótima relação peso/potência e funcionamento mais silencioso. Custo e fragilidade dos ímãs, porém, são desafios à sua adoção.

Tamanho não é documento

Motor PMS do VW ID.3, que estreia no Brasil em 2022, cabe em uma mochila, pesa 90 kg e, mesmo assim, atinge 150 cv e 31,8 kgfm.

Novas Tecnologias Motor Elétrico
Motores elétricos como o do novo compacto da VW mostram que tamanho não tem tanto a ver mais com potência e torque (Divulgação/Quatro Rodas)

Outros tipos de motores elétricos comuns

Enquanto os BLDC se destacam em carros híbridos, o SynRM é usado no Tesla Model S, recordista de aceleração

Novas Tecnologias Motor Elétrico
(Reprodução/Quatro Rodas)

 

Glossário elétrico

Analogia comum para explicar conceitos de eletricidade envolve uma mangueira de jardim. A pressão do encanamento seria como a tensão (medida em volts), enquanto a largura dessa mangueira seria a corrente (medida em ampere). Como a energia, medida em quilowatts (kW), varia em função da “voltagem” e “amperagem”, carros com sistema de 800 V se destacam por um fluxo energético mais eficiente. As baterias são medidas em quilowatt-hora (kWh), que equivale a 1 kW de energia sendo gerado por uma hora ou 120 ml de gasolina.

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

Continua após a publicidade
A edição 750 de QUATRO RODAS já está nas bancas!
A edição 750 de QUATRO RODAS já está nas bancas! (Arte/Quatro Rodas)
Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Os automóveis estão mudando.
O tempo todo.

Acompanhe por QUATRO RODAS.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Quatro Rodas impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.