Comparativo: Hyundai HB20 1.0 Turbo x VW Up! 1.0 TSI

Depois da briga dentro de casa, o novo HB20 1.0 Turbo mede forças com o rival da Volkswagen

VW Up! TSI x Hyundai HB20 Turbo

Logo após o lançamento do HB20 com motor 1.0 turbo, comparamos a novidade com a versão equipada com motor 1.6 aspirado. Os resultados foram surpreendentes: o HB20 1.6 não apenas andou mais (e de uma maneira mais linear) como bebeu menos, levando a melhor com certa facilidade, mesmo custando mais caro. Agora é a vez de trazermos o VW Up! TSI para a disputa.

No segundo semestre de 2015, conversando com uma fonte ligada à fábrica da Hyundai, em Piracicaba (SP), ouvi: “O desenvolvimento do motor HB20 1.0 turbo está quase no fim. Miramos o 1.0 TSI da Volkswagen, mas está impossível chegar junto”. Pelo jeito, pouca coisa foi feita após aquela conversa.

VW Up! TSI

Hyundai HB20 1.0 Turbo

Na aceleração de 0 a 100 km/h, sempre com gasolina, o Up! TSI marcou 11 s. O HB20 1.0 Turbo precisa de um pouco mais de tempo: 11,5 s. Nas retomadas, o câmbio de seis marchas dá vantagem ao Hyundai – o Up!, com cinco, tem relações mais longas. Mas essa diferença nas retomadas, mesmo significativa (quase 3 s na medição de 80 a 120 km/h em 5ª), perde importância ao se comparar os dados de consumo de combustível.

Na estrada, o HB20 1.0 Turbo bebe 1 litro de gasolina a cada 13,4 km. Com esse mesmo 1 litro de gasolina, o Up! anda 16,7 km. Como ambos têm um tanque de 50 litros, em tese, o Up! poderia encarar uma viagem 165 km mais longa sem reabastecer.

Na cidade, verdadeiro habitat desses hatches divertidos, a vantagem do VW sobre o Hyundai é ainda maior. De acordo com o resultado apresentado em nosso teste de pista (10 km/l), o HB20 roda até 500 km com um tanque. O Up!, 45% mais econômico (média de 14,5 km/l), só pediria uma parada para reabastecimento depois de 725 km.

VW Up! TSI

Hyundai HB20 1.0 Turbo

Ou seja, em termos de eficiência (a relação do quanto o carro anda versus o quanto consome), o Up! TSI é avassalador sobre o HB20 1.0 Turbo. Boa parte dessa superioridade está no motor, tecnicamente mais refinado. Além de dispensar o tanquinho de gasolina, tem variador de fase nos dois comandos de válvulas (admissão e escape), injeção de combustível diretamente nas câmaras de combustão, arrefecimento do intercooler por água e ar e da turbina por óleo e água.

No 1.0 turbinado do HB20, o comando das válvulas de escape é fixo, a injeção é na admissão, o intercooler é do tipo ar/ar e a turbina óleo/água. Em ambos, a pressão de trabalho do turbo é de 0,9 bar.

VW Up! TSI

Hyundai HB20 1.0 Turbo

Ao volante, você sentirá mais conforto no HB, por conta da suspensão mais macia. A direção do Up!, mesmo com assistência elétrica, é mais pesada do que a do Hyundai e incomoda por não retornar à posição central após o contorno de curvas.

Mais compacto, o Up! é 28 centímetros menor no comprimento e boa parte dessa diferença é sentida no porta-malas, com volume de 285 litros ante 300 do HB20. Na cabine, o nível de espaço é equivalente, mas o coreano transmite uma sensação de maior refinamento.

VW Speed Up!

Hyundai HB20 1.0 Turbo

O preço das versões consideradas no comparativo, High Up! (R$ 54.863) e Comfort Pluse (R$ 53.180), é equilibrado. Ou seja, se o tamanho do porta-malas não é algo fundamental para você (e olha que a diferença é pequena), não pense duas vezes: vá de Up!

VEREDICTO

O HB20 1.0 Turbo é bom, mas não se deu bem nas brigas dentro e fora de caas. Já o Up! 1.0 TSI, esperto e econômico, encararia até o HB20 1.6.

Teste de Pista (com gasolina)
Up! High 1.0 TSI HB20 Comfort Style 1.0 Turbo
Aceleração de 0 a 100 km/h 11 s 11,5 s
Aceleração de 0 a 1.000 m 32,3 s – 163,8 km/h 33,1 s – 157,6 km/h
Retomada de 40 a 80 km/h (em 3ª) 6,3 s 5,5 s
Retomada de 60 a 100 km/h (em 4ª) 9,4 s 8,1 s
Retomada de 80 a 120 km/h (em 5ª) 14,7 s 11,8 s
Frenagens de 60 / 80 / 120 km/h a 0 16,2 / 27,8 / 61,2 m 17,2 / 30,4 / 68,9 m
Consumo urbano 14,5 km/l 10 km/l
Consumo rodoviário 16,7 km/l 13,4 km/l
Ficha Técnica
Up! High 1.0 TSI HB20 Comfort Plus 1.0 Turbo
Motor flex, diant., transv, 3 cil., 999 cm3, 12V, 10,5:1, 74,5/76,4 mm, 105/101 cv a 5.000 rpm, 16,8/16,8 mkgf a 1.500 rpm flex, diant., transv., 3 cil., 998 cm3, 12V, 9,5:1, 71,0 x 84,0 mm, 105/98 cv a 6.000 rpm, 15/13,8 mkgf a 1.500 rpm
Câmbio manual, 5 marchas, tração diant. manual, 6 marchas, tração diant.
Direção elétrica hidráulica
Suspensão McPherson (diant.) e eixo de torção (tras.) McPherson (diant.) e eixo de torção (tras.)
Freios disco ventilado (diant.) e tambor (tras.) disco ventilado (diant.) e tambor (tras.)
Pneus 185/60 R15 185/60 R15
Dimensões comprimento, 364 cm; largura, 164,5 cm; altura, 150,4 cm; entre-eixos, 242 cm; peso, 987 kg; tanque, 50 l;porta-malas, 285 l comprimento, 392 cm; largura, 168 cm; altura, 147 cm; entre-eixos, 250 cm; peso, 1.053 KG kg; tanque, 50 l; porta-malas, 300 l
Preço R$ 54.863 R$ 53.180

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. GILSON TADEU ASSUNCAO

    VAMOS SER FRANCOS, PQ A VW NAO MONTA ESSE FORMIDÁVEL MOTOR NO FOX, E NAO NESSA CAIXA DE FIAT LUX

  2. uma coisa que achei injusta foi as retomadas serem medidas em ambos com 5º marcha. O UP só tem 4 marchas para desempenho, a quinta é só para economia. Assim como o hb20 deve ter a ultima marcha só para economia.
    Então o correto deveria ser medido ambos em ultima marcha, ou ambos em penúltima marcha. O comparativo disse que foi ambos em 5º, ai é claro que por ser tecnologia diferente de transmissão os números ficaram mascarados

  3. GILSON TADEU ASSUNCAO: a tendência é essa, aposentar o bom motor MSI 1.6 de gol/voyage/fox/saveiro e estender o 1.0 TSI a toda a linha. Ai o fox por exemplo que tu citou, terá as verões de entrada 1.0 aspirado 3 cilindros e os topos terão 1.0 com turbocompressor. É só uma questão de tempo, o mercado está recuado, assim que a crise abaixar a poeira, aposte nisso que te disse

  4. Jose Luiz Lourenco Junior

    Simples a VW vai dar fim no Fox (ainda bem) e a nova família gol ganhará os motores TSI, mas nos carros atuais esquece! Investimento completamente errado colocar esse motor nos atuais hatchs