Salão do Automóvel 2010



Kia

/ Optima

Kia Optima

Por Vitor Matsubara

O Optima chega ao Brasil com a missão de substituir o Magentis, sedã médio que nunca conquistou seu espaço no acirrado segmento dominado por Toyota Corolla e Honda Civic. O Optima ostenta a nova identidade de estilo idealizada por Peter Schreyer, ex-designer da Audi. A grade dianteira que lembra a boca de um tigre - presente em modelos como o crossover Soul e o novo Sportage - forma um belo conjunto com os faróis afilados, mais futuristas que os do Cerato.

As entradas de ar no para-choque frontal acompanham os traços modernos do conjunto óptico. Dois vincos marcantes acima dos faróis de neblina conferem mais personalidade ao carro. De lado, as entradas de ar acima dos para-lamas e a linha de cintura elevada dão esportividade ao sedã. O teto com uma curvatura suave lembra bastante os cupês de quatro portas, como o pioneiro Mercedes-Benz CLS e o VW Passat CC.

A traseira também exibe o mesmo arrojo da frente. As lanternas de formato irregular têm iluminação por LEDs, garantindo melhor visibilidade e mais beleza ao conjunto. O par de ponteiras cromadas também ressalta a esportividade do desenho do Magentis. Por dentro, as linhas do painel ficaram bem mais requintadas do que antes e remetem à sobriedade dos Audi. O sistema de som com oito alto-falantes e reprodução de arquivos em MP3 pode ser controlado por comandos de voz e oferece ainda Bluetooth e entrada auxiliar USB.

Partida do motor sem a chave, bancos revestidos em couro com aquecimento e refrigeração e uma tela de LCD que exibe as principais informações do computador de bordo são alguns dos itens que equipam o carro. Um sistema de navegação por GPS ativado por voz será oferecido na Europa e na América do Norte, sendo que mimos como teto solar panorâmico e ajuste elétrico dos bancos com memória são alguns dos opcionais. 

Seis airbags (dois frontais, dois laterais e outros dois do tipo cortina), cintos de segurança dianteiros com pré-tensionadores, monitoramento da pressão dos pneus, controles de estabilidade (ESC) e de tração (TCS) são alguns dos itens de segurança do sedã.

O Optima estará disponível em duas versões, uma com motor de 2.0 litros, que produz 165 cv e torque máximo de 20,2 kgfm a 4.600 rpm, e outra 2.4 litros de 180 cv e torque máximo de 23,6 kgfm a 4.000 rpm. A motorização vem acompanhada de transmissão automática sequencial de seis velocidades.

Ficha Técnica
Motor: 4 cilindros em linha, 2,4 litros
Potência: 180 cv a 6.000 rpm
Torque: 23,6 kgfm a 4.000 rpm
Câmbio: automático sequencial de seis velocidades
Aceleração de 0 a 100 km/h:
Velocidade máxima:
Dimensões: comprimento 480 cm, entre-eixos 280 cm, largura 180 cm
Peso:
serviços

Mapa:

Como chegar:

Pavilhão de Exposições da Anhembi DE 27/10 À 7/11



Av.Olavo Fontoura, 1.209
Santana - São Paulo/SP
Telefone: +55 11 2226-0400
CEP: 02012-021