Projeto quer tornar obrigatório estepe idêntico aos demais pneus

Em caráter conclusivo, a medida ainda depende da análise de cinco comissões em Brasília (DF)

Estepe fino provisório

Estepe fino provisório pode ser proibido no Brasil

Na teoria, a função de um pneu sobressalente (ou estepe) é de substituir um pneu que tenha passado por algum problema sem comprometer qualquer característica comum do veículo. Na prática, porém, essa função vem sendo alterada em nome da economia, tornando cada vez mais comuns os chamados “estepes temporários”, que dão suporte até a chegada ao borracheiro mais próximo. No entanto, isto pode acabar em breve – pelo menos no Brasil. Tramita, na Câmara dos Deputados em Brasília (DF), um projeto de lei que obriga as fabricantes a equiparem seus modelos nacionais e importados com estepes de dimensões idênticas às dos demais pneus do veículo.

Com a restrição, não seriam permitidos os atuais estepes temporários, mais finos e que rodam em velocidade limitada. Não é citado, porém, o que poderá ocorrer com os veículos cuja tecnologia substitui o uso de estepe por um compressor ou selador que permite vedar possíveis furos – sistema presente em modelos mais caros, como o Audi R8.

Os fabricantes que descumprirem a legislação (caso aprovada), deverão indenizar os proprietários dos veículos em 30 dias com 10% do valor do veículo. Proposta pelo deputado Pompeo de Mattos (PDT-RS), a lei tramita em caráter conclusivo e deverá passar por análise das comissões de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio; de Viação e Transportes; de Constituição e Justiça; de Cidadania e de Defesa do Consumidor.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Mais um “atraso” tramado no Congresso… os pilantras não deveriam se meter naquilo que não entendem.
    Esta visão autoritária poderá nos forçar a pagar mais para carregar mais peso (aumentando tanto o consumo quanto o desgaste do veículo), diminuir o espaço útil dos porta-malas e ainda, forçar os fabricantes à modificarem os projetos, aumentando ainda mais os preços dos veículos.
    Trata-se de mais uma “tomada de 3 pinos”… alguém vai ganhar muito dinheiro com isso.