Nova geração do Hyundai i30 ganha versão perua

Concorrente das peruas Focus e Golf na Europa, o modelo está mais leve e com direção até 10% mais direta

Até a porta traseira, a perua é idêntica ao hatch

Até a porta traseira, a perua é idêntica ao hatch

O Hyundai i30 teve sua segunda geração revelada ao mundo em meados de 2016 e surpreendeu pelo visual mais alemão de sua história de três gerações. Agora, a família cresceu – literalmente.

A marca apresentou a configuração perua do modelo, que fará sua primeira aparição pública durante o Salão de Genebra.

Com 24,5 cm extras, modelo pode ter até 1.650 litros para bagagens com bancos traseiros rebatidos

Apesar do entre-eixos ser o mesmo do hatch, perua tem 24,5 cm de comprimento a mais (Divulgação/Quatro Rodas)

Na dianteira, nada muda em relação ao hatch. Permanecem os faróis afilados e o para-choque com aberturas e traços esportivos. Da porta traseira para trás, porém, tudo muda.

São 24,5 cm extras, que resultam em um porta-malas de generosos 602 litros (um pouco menos que os 605 litros da Golf Variant), que podem passar para 1.650 litros quando os bancos traseiros são rebatidos.

Com os bancos rebatidos, capacidade chega a

Com os bancos rebatidos, capacidade chega a 1.650 litros

Mais do que isso, há espaço para objetos menores em um compartimento “secreto” abaixo do porta-malas (sem capacidade divulgada). O entre-eixos da perua, no entanto, é o mesmo do hatch: 2,65 m.

Por dentro, o painel mostra um salto de qualidade e refinamento, aposentando as linhas mais verticais que caracterizavam a linha Hyundai até pouco tempo atrás.

Interior da nova geração do i30 tem traços horizontais e tela multimídia destacada do painel

Interior da nova geração do i30 tem traços horizontais e tela multimídia destacada do painel (Divulgação/Quatro Rodas)

Além de espaçosa, a i30 Wagon também promete estabilidade e robustez após testes em Nürburgring. A direção está até 10% mais direta e a carroceria mais leve e rígida pela composição de 53% de aço de ultra resistência.

Na Europa, o modelo terá os mesmos motores do i30 hatch: 1.0 e 1.4, ambos turbo a gasolina, com 120 e 140 cv, e um 1.6 turbodiesel com opções de 95, 110 e 133 cv. Não há previsão da chegada dessa nova geração ao Brasil, onde a i30 CW chegou a ser vendida com sucesso anos atrás.

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. VIDA MÚSICA & BATERA

    Poderiam colocar o Fiat Tipo tbm como concorrente, a observando bem, tem traços bem parecidos com o Tipo SW. Inclusive o interior lembra pouco.